Pontos deVistas

A fama é um afrodisíaco potente.

Barco negro Anterior Seguinte

Barco negro

       Anterior Seguinte       

#Landscape

De manhã temendo que me achasses feia,
acordei tremendo deitada na areia,
mas logo os teus olhos disseram que não
e o sol penetrou no meu coração.

Vi depois, numa rocha, uma cruz,
e o teu barco negro dançava na luz;
vi teu braço acenando, entre as velas já soltas.
Dizem as velhas da praia que não voltas...
São loucas! São loucas!

Eu sei, meu amor,
que nem chegaste a partir,
pois tudo em meu redor
me diz que estás sempre comigo.

No vento que lança
areia nos vidros,
na água que canta,
no fogo mortiço,
no calor do leito,
nos bancos vazios,
dentro do meu peito
estás sempre comigo.

Poema «Barco Negro» de David Mourão-Ferreira, imortalizado num fado cantado originalmente pela Amália.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 2051
Publicação: 2013-12-16
Grupo: Paisagens
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 5.6
Distância focal: 90 mm
Velocidade do obturador: 1/640 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Azul, verde e vermelho Pendentes de papel Nas trevas Um amigo novo Em mim segue o desejo de chegar Pérolas Alecrim Ouro branco

  Escolha da semana

To whom it may concern: Torenvalk, Falco tinnunculus
To whom it may concern: Torenvalk, Falco tinnunculus

  Comentários

Existem 14 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Fernando Santos (chana)
em 2013-12-16 17:43:36

Excelente fotografia....
Votos de Boas Festas....
Cumprimentos

02
Gravatar Elisa Fardilha
em 2013-12-16 19:12:01

Ninguém resiste à magia do por-do-sol.

Magnífica foto.

Beijinhos.

03
Gravatar Willem
em 2013-12-16 20:17:48

Wonderful image.

04
Gravatar Zekarlos
em 2013-12-16 22:19:55

Gosto deste fim de dia, eu tb parava e fazia o mesmo que tu fizeste.

05
Gravatar Cristina
em 2013-12-16 22:28:30

Bela imagem com o barco negro.

06
Gravatar Ana Lúcia
em 2013-12-16 22:50:40

Pois foi ele que tornou este momento mais especial. ;)

07
Gravatar Manu
em 2013-12-17 13:08:25

Barco negro ao longe e um pôr de sol resplandecente tornam esta foto linda. Boa escolha musical!

08
Gravatar João Menéres
em 2013-12-17 13:49:56

Acho que tenho o mesmo petroleiro...
A outra hora, em outro dia (foi um destes últimos dias.).

Um abraço.

09
Gravatar Ana Lúcia
em 2013-12-17 21:01:37

Que surpresa muito agradável. :) Obrigada Remus, és um querido.

10
Gravatar Questiuncas
em 2013-12-18 09:59:47

Já conheces a minha "panca" de correr tresloucado nas descidas, agora vou revelar uma outra. É andar na água e ir sempre em frente de encontro ao sol. E o petroleiro que se afaste...

11
Gravatar Olivier
em 2013-12-18 12:44:31

Luz que vem de longe e quente.
Um belo contraste com o azul do mar.

12
Gravatar Roadrunner
em 2013-12-21 14:33:21

Boa foto, mas se em vez de um cargueiro ou petroleiro aparecesse um barco à vela, então a conjugação máquina/natureza estaria perfeita!

Saudações!

13
Gravatar Remus
em 2013-12-31 18:46:40

Muito obrigado pelos vossos comentários.

Willem: Thank you.
João Menéres: Esta fotografia é do início do ano, pelo que provavelmente não será o mesmo petroleiro... Mas nunca se sabe. :-)
Olivier: Merci.
Questiuncas: Nu ou vestido?
Roadrunner: Barcos à vela é só nas zonas chiques, como no Estoril, Algarve e afins. Aqui em cima, onde faz mais frio, só existem barcos de trabalho. :-D

14
Gravatar Alex
em 2014-01-04 00:14:48

que pôr do sol fantástico...