Pontos deVistas

A fotografia é a resistência da memória.

Pelas ruas de Évora Anterior Seguinte

Pelas ruas de Évora

       Anterior Seguinte       

#Urbanism

«Conhecendo certo dia que não poderia esforçar a voz de modo que despertasse um coração sonolento, porque a enfermidade o tinha prostrado de todo, mandou suplicar ao Infante que o tivesse por escusado, pois a debilidade tinha tomado posse do seu corpo e da sua rasão. Respondeu Sua Alteza, que não havia necessidade de que falasse, mas que subisse, levado em braços, ao púlpito, de onde pregava mudamente seu exemplo, e levantava mais o brado do que o escândalo quizera. Quiz o Infante Cardeal fazer um como que alarde de toda a sabedoria, para que o santo Borja viesse juntar n'um ramilhete todas as sciencias e as insígnias próprias, estendendo as águias suas pennas. Mandou que viessem todos ao seu palácio, de onde sairiam formados em fileiras vistosas. Concorreu toda a juventude e nobreza, de gala, e o cabido honrou esta pompa, saindo a fechar o esquadrão Sua Alteza, que illustrava cada insígnia com o reflexo da sua purpura. Ia ao seu lado o venerável padre Leon Henriquez, reitor do collegio e da universidade, e seu confessor, deixando-se ver pelas ruas de Évora respeitada e movediça a sabedoria.»

Excerto do livro «Portugal e os estrangeiros - Segunda Parte» de Manuel Bernardes Branco.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 2364
Publicação: 2015-02-02
Grupo: Urbanismos
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 8
Distância focal: 52 mm
Velocidade do obturador: 1/400 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Dá xicolate. Dá... João Baptista Via específica Monte de Santo Estêvão Dia Internacional da Língua Materna As 50 sombras de Serralves Sem cor De perfil

  Escolha da semana

Gootchaï 's Photoblog: Quand les nuages se mirent dans l'eau
Gootchaï 's Photoblog: Quand les nuages se mirent dans l'eau

  Comentários

Existem 19 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Jarek
em 2015-02-02 08:35:23

Wonderful light. Nice photograph :-)

02
Gravatar Elisa Fardilha
em 2015-02-02 11:20:08

Genial! De Mestre!

Uma cidade que adoro.

Beijinhos.

03
Gravatar João Menéres
em 2015-02-02 12:17:29

Évora, a Cidade Museu.

04
Gravatar Ana Freire
em 2015-02-02 13:36:51

Eu, por estes dias, será mais nas ruas da amargura até descobrir um problema que me surgiu no computador.
Até o descobrir, não há posts, nem comentários, nem mails para ninguém...
Vai ser um descanso, por uns tempos... porque não sou expert em cibernética...
Ora digam lá, que a Net não é uma maravilha?... Here today, gone tomorrow...
Por aqui?... Está mais que visto, e sem qualquer admiração... porque outra coisa não seria mesmo de esperar... mais uma foto fantástica, com um enquadramento e iluminação perfeitos... à La Remus...
Até um dia destes... esperemos...
Ana

05
Gravatar Manu
em 2015-02-02 14:56:11

Todo o Alentejo é lindo, e Évora é uma cidade que me encanta, tal como me encantou esta foto cheia de luz e de uma alvura imaculada.

06
Gravatar Willem
em 2015-02-02 16:54:27

Wonderful so against the blue sky, a lovely exposed photo.

07
Gravatar Ana Lúcia
em 2015-02-02 17:49:43

:) Sinto-me o Homem Aranha aqui!

08
Gravatar Omar
em 2015-02-02 18:49:27

Great deep and nice colors

09
Gravatar Paulo César Silva
em 2015-02-02 22:16:03

adoro estas ruas de Évora... tenho boas recordações dos tempos de adolescente (e mais não digo) :)
adorei a foto!!!

10
Gravatar Rute
em 2015-02-02 22:50:14

Esta cidade é toda ela bonita, não tem nada de que pudéssemos prescindir! a tua fotografia faz-lhe jus, o branco das casas, alvissímo e o azul do céu... linda! Se fosse eu teria apanhado um pouco mais da parte de baixo das casas, talvez até a ver-se um pouco do chão da rua. Mas isto sou eu a imaginar, porque na verdade quem lá estava eras tu ;)
Beijinhos

11
Gravatar João Menéres
em 2015-02-02 23:10:24

Compreendo a observação da RUTE.
Mas esta imagem é DIFERENTE e por isso me deixou fascinado!

12
Gravatar Roadrunner
em 2015-02-03 14:17:15

Uma rua muito familiar, muitas vezes já por ali almocei...

Saudações!

13
Gravatar Questiuncas
em 2015-02-03 15:10:50

Évora, terra quente.
Com tantas janelas, varandas e nenhuma acalorada a evidenciar as curvas???
Parece que vou ter de ficar pelas curvas dos prédios.

14
Gravatar Pat
em 2015-02-03 21:37:34

it is a beautiful city Evora in Portugal! when I've been in the summer, I had very very hot!!! stifling

15
Gravatar Dida
em 2015-02-05 01:58:00

Talvez tenha sido intensional escolher o enquadramento superior, em direcção ao céu azul em contraste com o branco e as barrinhas amarelas.
Gosto de ver as pedras das calçadas, ou as ruas. Mas também gosto de pouca gente, ou quase nenhuma (muito complicado). Uma opção, mostrar a rua de Évora e não as pessoas de Évora.
:-)

16
Gravatar Jéfferson Cezimbra
em 2015-02-08 23:25:03

Com toda certeza o enquadramento desta forma foi intencional, porém, para quem não conhece Évora como eu, adoraria ver como são as calçadas e ruas de uma cidade que ainda irei conhecer.
Abraço

17
Gravatar Dalmeida
em 2015-02-14 17:34:00

Interessante este excerto!...
Bela foto! Bem enquadrada e luminosa! Bem escolhido o ângulo e o nível de horizonte.
Estive nesta rua há uns 2 anitos... saudades...

18
Gravatar Alex
em 2015-02-16 22:07:24

e que bem que captaste o branco do casario.. contra um azul céu mto suave...

o "nosso" alentejo tão bem "apanhado"!

19
Gravatar Remus
em 2015-02-17 09:47:55

Obrigado pelos vossos comentários.

Jarek, Willem and Omar: Thank you.
Ana Freire: Sempre à volta dos problemas de computador, quando a origem do problema, está sempre entre o teclado e a cadeira. :-D
Paulo César Silva: Ui... estou a ver que é uma história que promete. :-P
Rute, Dida e Jéfferson Cezimbra: Carros! A rua tinha muitos carros estacionados. Por isso este enquadramento mais para o alto. ;-)
Pat: Merci.