Pontos deVistas

Nada pode nascer do nada.

Pequenos e em declínio Anterior Seguinte

Pequenos e em declínio

       Anterior Seguinte       

#Fauna

Os pardais são pequenas aves, que vivem em praticamente todos os lugares do mundo onde exista um clima temperado, além disso, vivem tranquilamente tanto nas áreas rurais como em áreas urbanas. Porém, recentemente essas aves têm diminuído em número. O declínio do número de pardais é explicado pelos efeitos da acção humana, dois exemplos: Nas áreas rurais, onde ao longo dos anos, pelas alterações na estrutura de produção agrícola, diminuiu de forma significativa o desperdício de grãos que servia de alimento para estas aves. Nas áreas urbanas, um dos motivos é a falta de áreas verdes e o intenso processo de impermeabilização, o que provoca a redução de insectos e automaticamente a oferta de alimento.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 2369
Publicação: 2015-02-08
Grupo: Fauna
Câmara: KODAK DX6490
Abertura: f 5
Distância focal: 63 mm
Velocidade do obturador: 1/750 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

«Sciurus Vulgaris» Gilete Envia-me uma florzinha A tempestade se aproxima Monte de Santo Estêvão Mijona Mais adiante Sem cor

  Escolha da semana

Arco-Íris Reloaded: Café de chicória
Arco-Íris Reloaded: Café de chicória

  Comentários

Existem 18 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Paulo César Silva
em 2015-02-08 18:59:01

realmente há menos, mas nunca tinha pensado porque... mas também acho que havia muitos! mesmo assim de vez em quando vejo um monte dele em volta da comida das minhas cadelas!!! nem sabia que gostavam daquilo!!!
excelente contraste... parece stencil! :)

02
Gravatar Dida
em 2015-02-08 22:48:45

Há menos pássaros?
Passarões há imensos. Alguns foram enjaulados e outros andam a jogar ao esconde.
Quanto a passarinhos? Aqui da minha janela da cozinha veja a Oliveira do jardim e ainda que pequena hám bando de pardais felizes e que me deixam de olhinho a brilhar por os conseguir ver. Talvez porque vivo no campo e porque as sementes de girassol que guardei os deixam felizes, será?

Quanto a foto? Gostei imenso de silhuetas. Gostei muito. Parabéns.

03
Gravatar Ana Freire
em 2015-02-08 23:42:43

Bem os pardalitos até podem andar sumidos...
Agora o que anda por aí de aves de rapina... e avis raras... não lembra a ninguém... se alguém quiser ficar com uma vaga ideia... é só ir espreitar em...

Excelente imagem! Gostei do perfil do pardalito...
Por acaso, por estas bandas até que nem me queixo... passarada não falta, nas redondezas... também, com o que ainda há para aqui de áreas verdes... é a vantagem de viver perto do campo...

04
Gravatar Jéfferson Cezimbra
em 2015-02-08 23:47:32

Por aqui os pardais ainda estão por todas as partes e sobre a foto, só posso dizer que foi muito bem concretizada nesse contraluz com um fundo azul impecável.
Abraço

05
Gravatar Manu
em 2015-02-09 17:11:27

Felizmente vivo na periferia da cidade onde ainda há campos baldios, portanto pardalitos continuam a fazer acrobacias junto da minha varanda e não sabia que estavam a diminuir.
E enquanto estou aqui a comentar e de janela aberta com o sol a entrar, ouço-os a chilrear.
Quanto à foto está linda adorei o preto contrastando com o azul do céu. Well done Remus! :)

06
Gravatar Ana Lúcia
em 2015-02-09 17:51:19

:( Não sabia, é mesmo uma pena, são aves adoráveis.

07
Gravatar Ana Lúcia
em 2015-02-09 17:52:04

Mas alguns continuam a sujar o parapeito das minhas janelas. :P

08
Gravatar Pat
em 2015-02-09 20:31:56

Nice framing and Silhouette

09
Gravatar Olivier Rault
em 2015-02-09 20:50:41

Magnifique ombre.

10
Gravatar Willem
em 2015-02-09 21:14:44

Brilliant sihouette and also a attractive composition.

11
Gravatar Roadrunner
em 2015-02-10 16:43:40

Excelente momento, com a combinação do preto/azul escuro!
Quanto ao resto, o primeiro milho é sempre dos pardais!

Saudações!

12
Gravatar Elisa Fardilha
em 2015-02-10 17:03:09

Voo, não voo?

Só uma vez consegui fotografar uns pardalitos que se deliciavam tomando banho num charco.

Amei a foto. Uma ternura!

Beijinhos.

13
Gravatar Cristina
em 2015-02-11 23:46:59

Ainda ontem joguei pão para as pombas e o pardal roubou o pão, foi mais esperto.

14
Gravatar Rute
em 2015-02-14 01:01:03

Sempre gostei de pardais, porque o meu irmão mais velho domesticou alguns que viviam connosco dentro de casa, como os cães e os gatos. Tivemos um que andava sempre no ombro da nossa mãe e quando ela ia cozinhar ela punha-se em cima da colher de pau ou na tampa das panelas, etc. O problema de ter estes bichinhos a andar à vontade, casa fora, é que morrem com facilidade porque muitas vezes não os vemos...ouve um que morreu porque a minha irmã se sentou em cima dele, e outros, ficavam entalados quando abríamos as portas...tínhamos muita pena...
adoro este contra luz e a silhueta de um passarinho que me é tão querido. e depois o azul, sempre o azul...
Beijinhos

15
Gravatar Alex
em 2015-02-16 22:14:07

coitadinhos dos pardais... aqui em casa têm sorte... às vezes pego em comida das galinhas e lanço-a para o telhado do telheiro... só para os ajudar :D

16
Gravatar Remus
em 2015-02-23 20:31:28

Estou grato pelos vossos comentários.

Dida: Os pardais são peritos em rapinar as sementes dos girassóis.
Ana Freire: As coisas que esta mulher sabe. ;-)
Ana Lúcia: Também não pode ser tudo um mar de rosas. ;-)
Pat e Olivier Rault: Merci.
Willem: Thank you.
Rute: Domesticar pardais... quem se haveria de lembrar disso. :-)
Alex: És uma mãos largas. :-P

17
Gravatar JoÃo MenÉres
em 2016-08-16 17:56:21

Tão novo e sem medo!
Nem vertigens tem...
Belo enquadramento que de degrau em degrau vai levar o Remus ao Top Five!

18
Gravatar Mariam
em 2016-08-25 23:52:45

Tão bonito! Pbs! :)