Pontos deVistas

Para ser insubstituível, tem de ser diferente.

Nas minhas veias Anterior Seguinte

Nas minhas veias

       Anterior Seguinte       

#Experiment

Senhor, nas minhas veias
Trago a morte medida.
Sou lâmpada de pobre:
Nem toda a noite a vida.

Já meu sangue estremece;
Veio uma asa ao lago.
Minha mão arrefece
Nestas coisas que afago.

Que maneira de amor
Fui, no menino ido!
Agora, seja o que for
Já no homem cumprido.

Até ao último fio
Poupei o dote divino.
O homem de Deus perdi-o;
Só salvei o menino.

Esse me leva e enche
Como uma onda do mar;
Minhas fraquezas preenche,
Que a grande força é brincar.

Já vai escurecendo;
O sangue pára de arder.
Agora, o que digo acendo
Para me não perder.

Poema «Senhor, nas minhas veias» de Vitorino Nemésio.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 2625
Publicação: 2016-01-11
Grupo: Experiências
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 6.3
Distância focal: 50 mm
Velocidade do obturador: 1/50 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Gema Papel de asseio íntimo Raindrops are falling on my head Linhas visíveis e invisíveis As voltas da história Quando mais é menos Ou é boi ou vaca Castelo do Queijo

  Escolha da semana

In' Pression a LUZ: {vereda}
In' Pression a LUZ: {vereda}

  Comentários

Existem 14 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Ana Lúcia
em 2016-01-11 21:08:51

Divina... mas o poema arrefece-me as veias.

02
Gravatar Marco
em 2016-01-11 21:36:44

olha que coisa tão delicada. Foto mesmo "à remus". Uma boa foto claro :)

03
Gravatar Jéfferson Cezimbra
em 2016-01-12 00:01:13

Fiz algo parecido semana passada, porém com as asas de uma libélula.
Gostei do ponto de focagem.
Abraço

04
Gravatar Photo Attraction
em 2016-01-12 09:29:26

Muito boa Remus!
Um ponto de foco bem escolhido e um profundidade de campo a aumentar a "delicadeza" da fotografia.
E, mais uma vez, obrigado pela Escolha da Semana!

05
Gravatar Manu
em 2016-01-12 12:21:24

O que me apetece dizer:" Frágil, cuidado não mexer"
Uma foto muito bem conseguida e que me encantou!

06
Gravatar Elisa Fardilha
em 2016-01-12 17:32:59

Uma foto incrível que merecia um poema menos triste!

Beijinhos.

07
Gravatar Dalmeida
em 2016-01-12 19:12:43

Fantástica.

08
Gravatar Willem
em 2016-01-12 20:13:18

A lovely soft/fragile and serene picture.

09
Gravatar Liesbeth
em 2016-01-12 20:25:26

Beautiful!

10
Gravatar Pc Silva
em 2016-01-14 21:44:06

uma imagem fantástica. muito suave.

11
Gravatar Alex
em 2016-01-16 19:06:10

q suavidade...

12
Gravatar Pat
em 2016-01-18 15:36:57

pretty cage love ;-)

13
Gravatar Olivier
em 2016-02-03 12:27:50

Wooaaa! Just wonderful! How sweet!!! What details !!! Gorgeous.
Photo very successful. My compliments, Remus...

14
Gravatar Remus
em 2016-02-16 12:40:26

Estou grato pelos vossos comentários. Eles são sempre muito importantes.

Willem and Liesbeth: Thank you.
Pat et Olivier: Merci.