Pontos deVistas

Só tem o direito de criticar aquele que pretende ajudar.

Eu espero pelo Inverno Anterior Seguinte

Eu espero pelo Inverno

       Anterior Seguinte       

#filmphoto  #Water

Eu espero pelo inverno,
certo de que trará as melhores lembranças de minha vida,
que todo ano vem à tona,
quando os dias mais frios fazem despertar minha vida interior,
mostrando tudo o que se encontra lá dentro.

No frio eu me abro para um novo mundo,
onde seletos sentimentos regenciam a sinfonia da minha vida,
em canções que me levam para além dos limites comunais,
onde vivem aqueles que dormem.

(...)

Foi em cada inverno de minha vida,
que caminhei mais um passo rumo a mim mesmo,
torando-me íntimo com a minha essência espiritual;
tão estranha aos supérfluos e superficiais...

Foi em cada lágrima dos invernos de minha vida,
que aprendi a congelar meus rancores,
que hoje formam lagos de neve congelada,
onde espelho-me nas manhãs de sol,
sob o frio de dias incansáveis.

Troco tudo isso pelo inverno de minha vida,
onde encontro o aconchego para sobrevir às superficialidades humanas.
Prefiro a profundidade, mesmo que no frio avassalador,
do que qualquer outra sensação de meus semelhantes.

Eis como aprendi a amar o inverno de minha vida.
Dias frios e profundos,
onde se chega bem próximo à essência,
onde jaz a verdadeira vida;
a qual não troco por nada...

Excerto do poema «O inverno de minha vida» de Maro Schweder.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 3126
Publicação: 2017-11-01
Grupo: Água
Câmara: Praktica MTL 5
Abertura:
Distância focal:
Velocidade do obturador:
Flash:

  Mais fotografias

Queque de noz Vou mesmo Já muitas vezes tirada A+ de óptima colheita Abscisão No limiar do labirinto Leporidae & Hominidae As palavras podem ser as mesmas...

  Escolha da semana

Cenas Soltas: ... Luz Natural ...
Cenas Soltas: ... Luz Natural ...

  Comentários

Existem 13 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Dida
em 2017-11-01 21:39:01

Melancolia...
É mesmo.
É o frio. A chuva que convida a perdermo-nos no som cadenciado. O orvalho ou o céu nublado. Nesta época despendemos de tempo para a introspeção.
Mas onde para ele? Será como o Outono, tardio?
Falta os leitos de água a correrem no monte apressados.

02
Gravatar Janita
em 2017-11-01 22:57:24

Todos esperamos sempre por aquilo que nos faz falta!
Neste momento, nem é bem do Inverno que sinto falta, mas da água da chuva que lave a atmosfera de impurezas, encha os prados de verde e os pastos de alimento para os animais famintos.

A fotografia enche-nos de saudade, do tempo em que rios e lagos nos lavavam os olhos...
...Eu, Remus, espero pela chuva...

03
Gravatar Rute Saraiva
em 2017-11-02 00:58:13

Mesmo antes de olhar para a fotografia e de ler o texto, quero começar por dizer já que também espero pelo Inverno ansiosamente! Bonitas as palavras do poeta. Curiosamente é a 1ªvez na minha vida que tenho saudades do Inverno e do tempo frio. Esta seca extrema acaba com qualquer esperança de prados verdes e riachos correndo com a sua água fresca, revitalizante! a fotografia tem exactamente aquilo que eu queria agora que existisse aos magotes. Nunca pensei poder vir a dizer que sinto muita falta do verde...eu é mais vermelho...;)
1 beijo

04
Gravatar Manu
em 2017-11-02 12:14:45

Eu que nunca gostei do Inverno, vejo-me neste momento a suspirar por ele, ou melhor pela chuva, pelo cheiro da terra molhada.
Esta foto apesar de linda deixa-me melancólica.
Ontem por estes lados o tempo esteve cinzento e pensei que era desta que iam cair uns pingos e fui a correr apanhar pinhas para a minha lareira. Hoje acordei com um sol radioso.
Não deixa de ser preocupante este tempo fora de tempo.

05
Gravatar Ana Lúcia
em 2017-11-02 14:41:32



Adorei a fotografia e gostaria de saber onde é... o poema é docemente triste.

06
Gravatar Willem
em 2017-11-02 17:46:20

A beautiful soothing photo.

07
Gravatar Elisa Fardilha
em 2017-11-03 18:25:33

Espeo que venha depressa e como gosto... gélido e com dias de sol... dias cobertos de geada... com neve e chuva durante a noite.
Na belíssima foto adivinha-se uma manhã gélida.
Beijinhos.

08
Gravatar L Reis
em 2017-11-04 15:09:22

Também eu!
Não havia era necessidade de esperar pelo inverno em sítios assim. Não podia esperar pelo inverno sentado num sofá, como as pessoas normais? Pois claro que não! Tinha que ser num sítio assim: cheio de místico silêncio e cores de quietude.

09
Gravatar Roadrunner
em 2017-11-04 22:42:36

Também eu, desesperadamente. Já me contentava com chuva!

Saudações!

10
Gravatar Omar
em 2017-11-07 15:31:47

Eu espero pelo Inverno - Me too!
Nice mood and scene

11
Gravatar Alex
em 2017-11-13 19:12:32

é melhor esperares sentado... este ano vai tardar... :D

12
Gravatar Paulo Vasco Pereira
em 2017-11-14 00:01:42

Relaxante!

13
Gravatar Remus
em 2017-11-29 21:01:49

Obrigado pelas vossas visitas e por esperarem comigo pelo Inverno ou pela chuva. É que esperar acompanhado é sempre melhor que esperar sozinho.

Willem and Omar: Thank you.
Ana Lúcia: É a Pateira de Fermentelos, a maior lagoa natural da Península Ibérica.