Pontos deVistas

Só tem o direito de criticar aquele que pretende ajudar.

Vitaminas para a memória Anterior Seguinte

Vitaminas para a memória

       Anterior Seguinte       

#Object

Um serrote, um martelo e memórias. É tudo o que me resta do meu avô materno, de seu nome António.
Não posso dizer que tenha sido um homem de uma profissão, porque ele teve muitas e sabia fazer um pouco de tudo. Trabalhou numa mina, trabalhou numa empresa de cordas, foi pedreiro, foi carpinteiro, foi pintor, foi agricultor... Era um homem dos sete ofícios. Seja o que fosse preciso fazer, ele fazia ou inventava alguma forma de o fazer. Contudo, acredito que aquilo que ele mais gostava de fazer eram os trabalhos em madeira. Não fazia peças decorativas e com grandes adornos, fazia peças práticas. Se fosse preciso construir algo, uma prateleira, uma porta, uma vedação, um galinheiro, ... ele ia para a sua oficina e construía-a com o material que tivesse disponível na altura. Podia ficar meio tosco, mas ficava funcional. Uma prova disso era a sua casa arrendada, que à medida das necessidades e das possibilidades, foi construindo novas divisões ao longo da vida. No final já tinha uma habitação que era praticamente o quadruplo da área original da casa. Tudo feito só por ele e maioritariamente em madeira.
Hoje em dia este serrote e este martelo já não possuem grande utilidade prática. Eu não serro nem martelo, mas funcionam como vitaminas para a memória, para a minha memória. Enquanto a memória existir, nada morre.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 3146
Publicação: 2017-11-28
Grupo: Objectos
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 4
Distância focal: 50 mm
Velocidade do obturador: 1/500 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Casas comigo? «Zantedeschia Aethiopica» Cuecas para todos O ser diferente Casinha vodafone Nariz de tomada Bar Bola ou bolha?

  Escolha da semana

Cenas Soltas: ... Luz Natural ...
Cenas Soltas: ... Luz Natural ...

  Comentários

Existem 13 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Janita
em 2017-11-28 12:24:44

Preciosas vitaminas! Revigoram a alma em profundidade... ADOREI!..
O meu avô materno, João Baptista, era muito parecido com o do Remus... pessoas de boa cepa... que deram boa semente!!! :)

02
Gravatar Willem
em 2017-11-28 14:41:46

Hahaha, great job done and photographed.

03
Gravatar Omid
em 2017-11-28 18:48:26

Amazing!!!!!

04
Gravatar Steven
em 2017-11-28 19:31:17

What a thought-provoking narrative!! Thank you for sharing!

05
Gravatar Lis
em 2017-11-28 20:02:20

Adorei o texto nostálgico e a bonita forma de ver o martelo e serrote como 'vitaminas para a memória'
Muito bem pensado_ são as pequenas lembranças que ficam que alimentam a memória.
E me mostra um Remus sensível e amoroso_ lembrar os avós é muito terno.
deixo os abraços.

06
Gravatar L Reis
em 2017-11-28 20:08:40

E era assim mesmo. Dantes as pessoas sabiam um pouco de quase tudo e, agora, alguns sabem muito de quase nada e outros nada de quase tudo.
Quando abri a fotografia pensei que ia ter que me "aborrecer" mais uma vez e dizer uns disparates para disfarçar, mas afinal não. Nesta não posso disparatar. É um post de uma ternura imensa e esta ideia de os objetos, que guardamos, poderem ser vitaminas para a memória, é uma delícia. Olhando para esta imagem (que foi muito bem pensada e resultou em pleno) dá para perceber que este avô não se limitou a passar pelo mundo e, quem assim celebra a sua memória, relembra-nos o verdadeiro significado da palavra herança.

07
Gravatar Manu
em 2017-11-28 21:11:28

Nunca pensei que umas vitaminas me emocionassem tanto!
E não é que me contagiaste?! Lembrei-me do meu pai, que também sabia fazer de tudo um pouco.
Uma foto muito bem escolhida para falares e recordares o teu avô.
Parece que sou bruxa, o Remusinho(como diz a Janita?) é muito sensível. Lembras-te do 2? :P :)

08
Gravatar Martine Libouton
em 2017-11-29 09:27:11

Très beau ce B&W . J'aime beaucoup ta composition!!!!

09
Gravatar Ana Lúcia
em 2017-11-30 23:18:08

Compreendo-te.
Um abraço.

10
Gravatar Alex
em 2017-12-01 19:38:28

tb tenho dessas memórias... e que engraçado que aqui por casa tb se encontra um serrote e um martelo... mas tb plainas, e outras tantas coisas... são memórias boas... não as percas

11
Gravatar Elisa Fardilha
em 2017-12-01 21:31:34

Uma foto relíquia!
Recordo sempre o meu pai, lendo e escrevendo... era o que sabia fazer. Tinha mãos longas e magras. Penso que nunca pregou um prego...

Beijinhos.

12
Gravatar Roadrunner
em 2017-12-10 18:10:51

E haja memória para recordar a memória!

Saudações!

13
Gravatar Remus
em 2017-12-26 21:01:04

Muito obrigado pelas vossas palavras e visitas.

Willem, Omid and Steven: Thank you.
Martine Libouton: Merci.