Pontos deVistas

Um autor estraga tudo quando pretende fazer bem de mais.

Todas as ruas do amor Anterior Seguinte

Todas as ruas do amor

       Anterior Seguinte       

#Urbanism

Se sou tinta
Tu és tela
Se sou chuva
És aguarela
Se sou sal
És branca areia
Se sou mar
És maré cheia
Se sou céu
És nuvem nele
Se sou estrela
És de encantar
Se sou noite
És luz para ela
Se sou dia
És o luar

Sou a voz
Do coração
Numa carta
Aberta ao mundo
Sou o espelho
D'emoção
Do teu olhar
Profundo
Sou um todo
Num instante
Corpo dado
Em jeito amante
Sou o tempo
Que não passa
Quando a saudade
Me abraça

Beija o mar
O vento e a lua
Sou um sol
Em neve nua
Em todas as ruas
Do amor
Serás meu
E eu serei tua

Letra da canção «Todas As Ruas do Amor», composta por Pedro Marques e interpretada por Flor de Lis.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 4476
Publicação: 2022-06-25
Grupo: Urbanismos
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 7.1
Distância focal: 75 mm
Velocidade do obturador: 1/400 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Vida, alegria e peixe Flores do campo Quatro condições de loucura Sensibilidade da begónia BMTC Remédio tão perto do bico Portas, pobre, melões e dar Não te enganes no caminho

  Escolha da semana

Digit@l Pixel: Espelhos na cidade
Digit@l Pixel: Espelhos na cidade

  Comentários

Existem 5 pontos de vista. Quem será o próximo?
MWSJL
01
M
Manu
em 2022-06-25 15:35:59

Aqui respira-se amor, amor pelas plantas e pela natureza.
Gostava de viver numa rua assim.
Será no Alentejo?
Fiquei rendida a tanta beleza.

02
W
Willem
em 2022-06-25 20:23:11

A beautiful vertical photo of the narrow street.

03
S
Steven
em 2022-06-26 01:38:39

An inviting winding street with facades close together to provide that intimacy! The lyrics fit this photo perfectly.

04
J
Janita
em 2022-06-26 11:23:09

Ruas assim lindas, de paredes caiadas, alvas e floridas, só é possível encontrar no Alentejo... ;)

05
L
L Reis
em 2022-06-26 11:33:52

Ai o amorrrrrrr!!
É uma rua verdadeiramente deliciosa, acolhedora, simpática, alegre, mimosa, linda e outros adjetivos por aí fora. A destoar desta perfeita harmonia os mastodontes do ar condicionado, claro. Devia ser proibido tal aberração num sítio destes e os seus donos condenados aos calores do inferno, onde, segundo sei, não existe ar condicionado que os salve.
Tal como a Manu, eu também era pequena par ter aqui uma casinha, com amor e até sem ele.