Pontos de Vistas: Maçã da discórdia
Pontos deVistas

O elogio de um tolo prejudica mais do que a sua crítica.

Maçã da discórdia Anterior Seguinte

Maçã da discórdia

       Anterior Seguinte       

#Edible

Existe a expressão "lançar a maçã da discórdia", que é relativo a uma pessoa ou coisa que provoca uma desavença.
A origem desta expressão vem da mitologia grega.
Tudo começou com o nascimento de Páris, segundo filho de Príamo, rei de Tróia. Devido a uma profecia que dizia que Páris causaria a ruína da pátria, o rei mandou matar o próprio filho. Porém, atendendo aos apelos de Hécuba, a rainha, o pastor Agelus levou Páris para o monte Ida, onde o menino cresceu e tornou-se forte e belo como um deus do Olimpo.
Muitos anos mais tarde, na festa de núpcias de Tétis e Peleu, todas as divindades estavam presentes, menos a deusa Discórdia, que não fora convidada. Irritada pela ofensa, a deusa apareceu repentinamente na hora do banquete, e jogou sobre a mesa uma maçã de ouro com a seguinte inscrição: "À mais bela". As deusas Juno, Minerva e Vénus ficaram maravilhadas e começaram a brigar pela maçã. Júpiter, o pai dos deuses, teve de intervir. Encarregou o deus Mercúrio de levar as rivais para Frígia e de submeter o caso a julgamento, pelo primeiro mortal que fosse encontrado.
E quem foi esse "primeiro mortal que fosse encontrado"? Páris!
Como de hábito, cada deusa ofereceu algo valioso para que Páris lhe desse o julgamento favorável: Minerva prometeu-lhe sabedoria e glória; Juno, riqueza e o império da Ásia; e Vénus ofereceu a Páris o amor da belíssima Helena, esposa do rei grego Menelau.
Páris acabou por dar a maçã da Discórdia a Vénus. Ganhou, assim, o amor de Helena, e, com isso, deu origem à guerra que causou a ruína de Tróia, tal como tinha sido profetizado na sua nascença.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 3339
Publicação: 2018-08-09
Grupo: Comestíveis
Câmara: KODAK DX6490
Abertura: f 5
Distância focal: 17.5 mm
Velocidade do obturador: 1.5 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Que a espera não seja longa Em tempo de jogo... Cabo Sagrado Café para dois Quem anda, também cai Eflúvios das flores Bitola Ibérica Grande sorriso

  Escolha da semana

Florbytes: Ar quente...
Florbytes: Ar quente...

  Comentários

Existem 13 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Afrodite
em 2018-08-09 14:46:47


Não conhecia a história por detrás da expressão... e como podes imaginar, adorei! Li de um só trago o teu texto! :)

Também há uma expressão com significado semelhante a este (deitar achas para a fogueira) e outra com significado totalmente oposto (deitar água na fervura).
Adoro expressões que tragam saberes antigos e tradições de outros tempos, mesmo que sejam apenas mitos.

Beijinhos de Deusa
(^^)

02
Gravatar Afrodite
em 2018-08-09 14:47:56

Ah, desculpa... e não falei no principal! Na maçã!
A foto está... um espanto! Parece uma tela...
Parabéns!

03
Gravatar Willem
em 2018-08-09 17:16:33

As always a tasty presented photo, beautifully illuminated and fine focus work.

04
Gravatar Steven
em 2018-08-09 23:42:51

Incredible warmth and detail captured in this untarnished apple!!

05
Gravatar Manu
em 2018-08-10 07:44:49

Descomhecia a história desses deuses, assim como a expressão, mas fiquei completamente apaixonada pela foto! Ricou um espanto Remus!

06
Gravatar Ana Lúcia
em 2018-08-10 11:58:31

Ora! Ora!!! Estás aqui com uma maçãzinha vermelhinha (a da Branca de neve, está visto) a contar-nos histórias do Olimpo!!! Esta "reles" maça tem Sódio, Potássio, Hidratos de Carbono, Fibras, Proteínas, Vitamina A, Vitamina C, Cálcio, Ferro e Magnésio. Mas Não tem OURO!!!
Estás a querer atirar-nos areia para os olhos com essa história fantástica para esconder o FACTO de que as tuas macieiras só dão maçãs com nutrientes. E depois ainda fazes este jogo de luzes douradas com a maçã!!! A mim não me enganas.

07
Gravatar Omar
em 2018-08-10 17:07:14

Looks like a light is inside the apple...
..I'd like to bite into it. (-;

08
Gravatar Lis
em 2018-08-10 23:50:02

Se não fosse tão bonita, seria mesmo um desastre a maçã.
Não tem sabor nenhum _ é só massa insossa rs Mas é muito linda, assim vermelhinha!
A história mais conhecida definitivamente não é essa _ é a daquele jardim onde essa fruta da sabedoria do conhecimento do bem e do mal foi motivo de expulsão e tudo rs Lembra? daquele casal que queria porque queria saber o que aconteceria se comesse a maça? _Comeram! rs
Essa que contas aí desconheço e voce sabiamente conseguiu torná-la mais real. :((
O que sei é que é mesmo linda e a foto comprova!

09
Gravatar Maria Antonieta
em 2018-08-11 15:57:00

A Lenda mitológica do "Pomo da Discórdia", lindamente ilustrada e bem contada... Só faltaram as três deusas... o jovem Páris bem eu sei quem é!!! :))

10
Gravatar Elisa Fardilha
em 2018-08-11 20:36:58

Adorei a história sobre os deuses.
Como, todos os dias, uma maçã vermelha, mas ainda não as vi tão brilhantes.
Apeteceu-me dar-lhe uma dentada!!!

Amei a foto!

Beijinhos.

11
Gravatar Roadrunner
em 2018-08-12 14:58:31

Mas acho que a tal maçã não era vermelha, era de outra cor.

12
Gravatar Alex
em 2018-08-13 22:32:38

E que bela maçã da discórdia tu aqui tens.. :)

13
Gravatar Dida
em 2018-08-14 17:48:31

Ora, andas a ler muita lenda de cordel.

Não sei qual o feitiço da tua maça.
Mas está tão bonita que merece ficar para sempre sem lhe enfi8ares o dente.
Ainda vais ser convidado para o filme do Harry Potter.