Pontos deVistas

Se fotografia fosse religião, a luz seria o deus.

Oca, sem água... Anterior Seguinte

Oca, sem água...

       Anterior Seguinte       

#Object

Queria saber o que te encerra
Em estranhos labirintos e castelos
Feitos de tantos sonhos singelos,
De pseudos-conceitos e quimeras.

Queria saber o que mais te agrada.
O que seria para ti motivo de alegria:
Se o amanhecer rosado do novo dia
Ou uma filosofia pegajosa e barata?

Queria saber o que mais te abomina,
Aquilo que te fere deveras e te mata:
Se a falta de bordados nas entrelinhas
Ou o excesso de hipocrisia na fala?

Vejo-te como uma grega e antiga estátua:
Nariz refinado, dedos imortais, cinza e fria.
Às vezes vejo-te como uma porcelana rara,
Uma jarra bem trabalhada e bem esculpida.

Porém pobre de-marré-de-si e vazia;
Oca, sem água ou outro tipo de líquido.
Talvez seja esse o motivo.
Eu não sei. Eu não sei.

Excerto do poema «Uma estranha no ninho» de Gyl.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 2926
Publicação: 2017-02-11
Grupo: Objectos
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 8
Distância focal: 75 mm
Velocidade do obturador: 1/10 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Lost in translation No fio G2 Sala Suggia 22 Batalha Até me perder... Maçã de Eva Lente cilíndrica

  Escolha da semana

Omid: O
Omid: O

  Comentários

Existem 14 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Ana Lúcia
em 2017-02-11 11:58:03

Mais um trabalho fantástico de estúdio. :) Queres um conselho?! É melhor não tentares desvendar segredos. O mistério cativa.

02
Gravatar Willem
em 2017-02-11 17:23:13

Beautifully photographed, fine clear details.

03
Gravatar Manu
em 2017-02-11 17:39:52

"Queria saber o que mais te agrada"
Eu digo:
Agrada-me esta foto, esta jarra tão finamente trabalhada, uma espécie de relíquia que me encantou!

04
Gravatar Roadrunner
em 2017-02-11 17:48:49

Maciça, cheia de ar.

Saudações!

05
Gravatar Tulipa
em 2017-02-12 00:22:34

Olá

Magnífica foto;
fiquei fascinada ao ver o trabalho de pintura no vidro!

Tão delicada esta imagem.
Obra prima sua, Remus.
Parabéns!

Tenho paixão por flores,
mas... uma jarra vazia também pode ser interessante.

Bom Domingo.

06
Gravatar Elisa Fardilha
em 2017-02-12 20:49:05

Fantástica foto de uma "relíquia"!
O poema que a legenda é fabuloso!

Beijinhos.

07
Gravatar Omid
em 2017-02-13 17:21:12

such beautiful frame, focus, lights & details!
lovely!

08
Gravatar Martine Libouton
em 2017-02-13 18:37:01

Magnifique ta photo j'adore

09
Gravatar L Reis
em 2017-02-14 00:05:05

Vale tudo... até roubar a jarra cristal Atlantis da mãe. E podia ter sido por uma boa causa, podia ter sido para a encher d'água e dar de beber a umas florzinhas sedentas, mas não! Vá de a encher de ar, dizer que está oca, sem água e ficar, impante, a pensar: mas que grande ilustrador de poemas que eu sou!... e não é que, neste caso, é mesmo?!

10
Gravatar Ana Simões
em 2017-02-14 17:24:49

Fantástica!!
Gosto muito de fotografar em casa e já vi que o Remus tb.
Está excelente.

PS: Hoje nada digo sobre os textos poruqe não os estou a ler.. mas volto...
:)

11
Gravatar Dida
em 2017-02-14 23:15:13

Uma bela jarra (modelo).
Uma não menos, bela foto

12
Gravatar Alex
em 2017-03-02 23:51:37

bem... mas tu deves ter adquirido um estúdio entretanto, não?! :)

13
Gravatar Dragonstar
em 2017-03-05 18:26:59

Such a beautiful jar, and an absolutely lovely photo.

14
Gravatar Remus
em 2017-03-16 21:49:35

Obrigado pelas vossas palavras e visitas.

Ana Lúcia: Conselho aceite. ;-)
Willem, Omid and Dragonstar: Thank you.
Martine Libouton: Merci.
L Reis: Jarra cristal Atlantis? Não! Isto é puro pechisbeque. Não precisa de a vir roubar. :-P
Alex: Não! Não... Eu continuo a usar o mesmo sistema de sempre. ;-)