Pontos deVistas

Preguiça é o ato de descansar antes de estar cansado.

Vidas verticais Anterior Seguinte

Vidas verticais

       Anterior Seguinte       

#Urbanism

Lembras-te tu do sábado passado,
Do passeio que demos, devagar,
Entre um saudoso gás amarelado
E as carícias leitosas do luar?

Bem me lembro das altas ruazinhas,
Que ambos nós percorremos de mãos dadas:
Às janelas palravam as vizinhas;
Tinham lívidas luzes as fachadas.

Não me esqueço das cousas que disseste,
Ante um pesado tempo com recortes;
E os cemitérios ricos, e o cipreste
Que vive de gorduras e de mortes!

Nós saíramos próximo ao sol-posto,
Mas seguíamos cheios de demoras;
Não me esqueceu ainda o meu desgosto
Nem o sino rachado que deu horas.

(...)

E ali começaria o meu desterro!...
Lodoso o rio, e glacial, corria;
Sentamo-nos, os dois, num novo aterro
Na muralha dos cais de cantaria.

Nunca mais amarei, já que não amas,
E é preciso, decerto, que me deixes!
Toda a maré luzia como escamas,
Como alguidar de prateados peixes.

E como é necessário que eu me afoite
A perder-me de ti por quem existo,
Eu fui passar ao campo aquela noite
E andei léguas a pé, pensando nisto.

E tu que não serás somente minha,
Às carícias leitosas do luar,
Recolheste-te, pálida e sozinha,
À gaiola do teu terceiro andar!

Excerto do poema «Noite Fechada» de Cesário Verde.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 3420
Publicação: 2018-11-24
Grupo: Urbanismos
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 5.6
Distância focal: 18 mm
Velocidade do obturador: 1/125 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Olho para dentro do gradeamento Mesa Questão de saúde pública O céu cobre-se de fogo Horário do fim Sem sangue, pulmões ou cérebro O pequeno caracol Essa porta há de haver...

  Escolha da semana

Omid: .
Omid: .

  Comentários

Existem 14 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Omar
em 2018-11-24 10:28:34

Amazing view, love to see how other people live, as here people like plants and decorate the small part of living

02
Gravatar Martine Libouton
em 2018-11-24 10:45:09

Une très belle contre plongée j'aime

03
Gravatar Steven
em 2018-11-24 14:55:48

An eye-catching PoV captured here!

04
Gravatar Omid
em 2018-11-24 17:40:36

A M A Z I N G!

05
Gravatar Willem
em 2018-11-24 18:22:29

Cool and attractive viewpoint from which this picture was taken.

06
Gravatar Alex
em 2018-11-24 19:08:10

gosto do efeito criado, mas o céu está demasiado estoirado.. e atraí demasiado o nosso olhar...

07
Gravatar Maria Antonieta
em 2018-11-24 22:17:25

Mal comecei a ler os primeiros versos e já sabia que o poema era de Cesário Verde! :) Nem acabei de ler sem vir ao fim confirmar... conheço bem o seu estilo que, aliás, é inconfundível.

Inconfundível é, também, o estilo do Remus, na fotografia... :)

08
Gravatar Lis
em 2018-11-25 10:28:51

Assim nos encontramos algumas vezes,entre janelas das gaiolas dos vizinhos conforme me lembra o poeta.
Bom domingo, Remus

09
Gravatar Roadrunner
em 2018-11-25 14:30:55

Fiquei completamente verticalizado!😋

10
Gravatar Manu
em 2018-11-25 14:36:09

Nem sempre temos o céu que queremos, mas a fota com esta perspectiva vertical ficou muito boa

11
Gravatar Elisa Fardilha
em 2018-11-26 15:22:58

Pelo que vejo andas numa de fotografares deitado no chão!!!

A foto está fabulosa!

Beijinhos.

12
Gravatar Ana Lúcia
em 2018-11-27 22:26:25

Estrondosamente original.

13
Gravatar Dida
em 2018-11-29 23:13:52

Andas de cabeça no ar procurando o buraco com água?
Está muito fixe a foto. :-)

14
Gravatar Remus
em 2018-12-17 19:34:38

Obrigado por fazerem sempre parte da minha vizinhança. Mesmo que estejamos separados por dezenas, centenas ou até milhares de quilómetros, mesmo assim, somos vizinhos uns dos outros.

Omar, Steven, Omid and Willem: Thank you.
Martine Libouton: Merci.
Elisa Fardilha: Por acaso não foi necessário. Mas tive que ajoelhar. :-D
Dida: Confesso que agora fiquei baralhado com essa do buraco e da água. :-D