Pontos deVistas

Somos feitos de carne, mas temos de viver como se fôssemos de ferro.

Para além da curva da estrada Anterior Seguinte

Para além da curva da estrada

       Anterior Seguinte       

#Urbanism

Para além da curva da estrada
Talvez haja um poço, e talvez um castelo,
E talvez apenas a continuação da estrada.
Não sei nem pergunto.
Enquanto vou na estrada antes da curva
Só olho para a estrada antes da curva,
Porque não posso ver senão a estrada antes da curva.
De nada me serviria estar olhando para outro lado
E para aquilo que não vejo.
Importemo-nos apenas com o lugar onde estamos.
Há beleza bastante em estar aqui e não noutra parte qualquer.
Se há alguém para além da curva da estrada,
Esses que se preocupem com o que há para além da curva da estrada.
Essa é que é a estrada para eles.
Se nós tivermos que chegar lá, quando lá chegarmos saberemos.
Por ora só sabemos que lá não estamos.
Aqui há só a estrada antes da curva, e antes da curva
Há a estrada sem curva nenhuma.

Poema «Para além da curva da estrada» de Alberto Caeiro, heterónimo de Fernando Pessoa.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 2188
Publicação: 2014-06-15
Grupo: Urbanismos
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 8
Distância focal: 28 mm
Velocidade do obturador: 1/320 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Vazio O ser mensageiro Tricomas Há mais em nós Senta-te aqui, fala comigo «Leptospermum Scoparium» Verdes sonhos Guarda-chuvas em dias de sol

  Escolha da semana

Omid: crab plover
Omid: crab plover

  Comentários

Existem 19 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Willem
em 2014-06-15 11:14:55

Thanks to its attractive position and bright colors arises here a great depth.
Fantastic photo as result.

02
Gravatar João Menéres
em 2014-06-15 12:57:06

Mais uma magnífica e original imagem !
Felicito-o vivamente pela qualidade das imagens com que nos brinda, REMUS.

Bom Domingo.

03
Gravatar Ana Freire
em 2014-06-15 14:53:59

Concordo com Fernando Pessoa... isto é, com o heterónimo.
Só importa mesmo o lugar onde estamos... e tudo o resto é paisagem, e há que prestar atenção ao caminho, para não derrapar nas curvas, e seguir em frente.
Para além da curva, só vejo uma foto fantástica, com umas cores bem contrastantes e apelativas, que foi tirada num ângulo soberbo, que deixa para a imaginação uma paisagem magnífica que se estenderia ao lado direito.
E o que vejo mais?... Um dos pilares a ser arrancado por uma sombra mais atrevida... isto de ter imaginação é no que dá... começa-se a ver coisas... Já nem mais sumos, vou beber hoje... só águinha...
Bjs.
Bom domingo.
Ana

04
Gravatar Oldshutterhand
em 2014-06-15 20:16:12

Needs the visit of a dentist ;-)

05
Gravatar Elisa Fardilha
em 2014-06-15 20:50:38

Genial e inédita foto!

ADOREI!

Beijinhos.

06
Gravatar Manu
em 2014-06-15 21:42:30

Ora aqui está uma daquelas estradas que gosto, sempre a curvar, sempre a abrir, numa ânsia permanente de descobrir o que virá a seguir à curva. Neste caso fico-me por aqui com os quatro piscas ligados a ver uma foto soberba.
Parabéns Remus!

07
Gravatar Paulo César Silva
em 2014-06-15 22:33:34

Devido as falhas que já tem, parece que alguém não chegou a ir para além da curva da estrada... :/
de qualquer maneira, não concordo com este heterónimo do FP! é a a tentar ver para além da curva que conseguimos fazer coisas inacreditáveis... e também temos as maiores desilusões!!! Mas sem isso a vida era uma seca...
... e claro uma excelente imagem, que nos leva a pensar o que está para além da curva da estrada! :)

08
Gravatar Questiuncas
em 2014-06-16 14:21:33

Os mecos conduzem-nos o olhar.
Houve alguém que tentou fintar os mecos.

09
Gravatar Dida
em 2014-06-17 01:39:51

Claro que o Remus não chegou até aqui com este calor todo - a pé?
- Não! Não é louco.

Mas é atento. A foto ficou espetacular.

10
Gravatar Ana Lúcia
em 2014-06-19 09:21:38

Excelente perspetica e composição, brindada com esse vermelho atrativo.
Faz-me ter a sensação que vou a grande velocidade...

11
Gravatar Cristina
em 2014-06-19 12:55:58

Gosto tanto desta sequência.

12
Gravatar Vera Cymbron
em 2014-06-20 15:41:51

Tem as linhas de força e tudo dentro das regras mas não me diz grande coisa a fotografia... excepto que parece ser uma das ruas mais tipicas da ilha pela calçada...

13
Gravatar Roadrunner
em 2014-06-22 11:26:51

Dá-me a impressão de que houve alguém que não passou para além da curva da estrada... De qualquer forma gosto das cores.

Saudações!

14
Gravatar Kaipiroska
em 2014-06-24 22:11:47

Assim até parece uma estrada açoriana.

15
Gravatar Remus
em 2014-06-25 21:13:14

Muito obrigado pelos vossos comentários e incentivo.

Willem and Oldshutterhand: Thank you.
Dida: Por acaso até cheguei aqui a pé. Pronto! Pronto! O carro ficou a uns 300 metros mais a baixo. :-)
Vera Cymbron: Tu és muito esquisita. O que tu realmente preferias, era que aqui estivesse retratado um marmanjo em trono nu, a endireitar os mecos deitados. ;-)
Kaipiroska: Esta é uma estrada minhota. A fotografia foi tirada em Viana do Castelo.

16
Gravatar Alex
em 2014-07-01 19:09:56

muito fotogénicos, estes pinocos.. :)

17
Gravatar Maria Antonieta
em 2018-12-10 23:44:28

Que estranho!!... Já vi esta fotografia aqui publicada, com um lindo e emocionante texto/excerto de um livro da Rosa Lobato de Faria.
Não posso estar enganada... quase poderia jurar que sim.
Pode esclarecer-me esta dúvida, Remus?
Obrigada!

18
Gravatar Remus
em 2018-12-12 20:56:04

Maria Antonieta: Não existe nenhum problema com a sua memória... ainda! :-D
De facto são duas fotografias diferentes e com formatos diferentes. A outra fotografia, a que se lembra, teve o título: Mecos da estrada. Ambas as fotografias foram realizadas no mesmo dia.

19
Gravatar Maria Antonieta
em 2018-12-13 22:53:30

Ainda...diz bem! :(
São duas fotografias diferentes, mas do mesmo local.
A diferença é que esta foi tirada no sentido de quem sobe, e os mecos ficaram no lado direito. Com a outra, foi o contrário... lá está o meco caído... :P