Pontos deVistas

Um tolo encontra sempre outro ainda mais tolo que o admira.

Para além da curva da estrada Anterior Seguinte

Para além da curva da estrada

       Anterior Seguinte       

#Urbanism

Para além da curva da estrada
Talvez haja um poço, e talvez um castelo,
E talvez apenas a continuação da estrada.
Não sei nem pergunto.
Enquanto vou na estrada antes da curva
Só olho para a estrada antes da curva,
Porque não posso ver senão a estrada antes da curva.
De nada me serviria estar olhando para outro lado
E para aquilo que não vejo.
Importemo-nos apenas com o lugar onde estamos.
Há beleza bastante em estar aqui e não noutra parte qualquer.
Se há alguém para além da curva da estrada,
Esses que se preocupem com o que há para além da curva da estrada.
Essa é que é a estrada para eles.
Se nós tivermos que chegar lá, quando lá chegarmos saberemos.
Por ora só sabemos que lá não estamos.
Aqui há só a estrada antes da curva, e antes da curva
Há a estrada sem curva nenhuma.

Poema «Para além da curva da estrada» de Alberto Caeiro, heterónimo de Fernando Pessoa.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 2188
Publicação: 2014-06-15
Grupo: Urbanismos
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 8
Distância focal: 28 mm
Velocidade do obturador: 1/320 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Mais rápido que a luz Prato do dia Valorização da magreza Podia e pude Tricomas Fascínio da imperfeição Terras do Payva Algo caótica e nada certa

  Escolha da semana

Gootchaï 's Photoblog: La coque!
Gootchaï 's Photoblog: La coque!

  Comentários

Existem 19 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Willem
em 2014-06-15 11:14:55

Thanks to its attractive position and bright colors arises here a great depth.
Fantastic photo as result.

02
Gravatar João Menéres
em 2014-06-15 12:57:06

Mais uma magnífica e original imagem !
Felicito-o vivamente pela qualidade das imagens com que nos brinda, REMUS.

Bom Domingo.

03
Gravatar Ana Freire
em 2014-06-15 14:53:59

Concordo com Fernando Pessoa... isto é, com o heterónimo.
Só importa mesmo o lugar onde estamos... e tudo o resto é paisagem, e há que prestar atenção ao caminho, para não derrapar nas curvas, e seguir em frente.
Para além da curva, só vejo uma foto fantástica, com umas cores bem contrastantes e apelativas, que foi tirada num ângulo soberbo, que deixa para a imaginação uma paisagem magnífica que se estenderia ao lado direito.
E o que vejo mais?... Um dos pilares a ser arrancado por uma sombra mais atrevida... isto de ter imaginação é no que dá... começa-se a ver coisas... Já nem mais sumos, vou beber hoje... só águinha...
Bjs.
Bom domingo.
Ana

04
Gravatar Oldshutterhand
em 2014-06-15 20:16:12

Needs the visit of a dentist ;-)

05
Gravatar Elisa Fardilha
em 2014-06-15 20:50:38

Genial e inédita foto!

ADOREI!

Beijinhos.

06
Gravatar Manu
em 2014-06-15 21:42:30

Ora aqui está uma daquelas estradas que gosto, sempre a curvar, sempre a abrir, numa ânsia permanente de descobrir o que virá a seguir à curva. Neste caso fico-me por aqui com os quatro piscas ligados a ver uma foto soberba.
Parabéns Remus!

07
Gravatar Paulo César Silva
em 2014-06-15 22:33:34

Devido as falhas que já tem, parece que alguém não chegou a ir para além da curva da estrada... :/
de qualquer maneira, não concordo com este heterónimo do FP! é a a tentar ver para além da curva que conseguimos fazer coisas inacreditáveis... e também temos as maiores desilusões!!! Mas sem isso a vida era uma seca...
... e claro uma excelente imagem, que nos leva a pensar o que está para além da curva da estrada! :)

08
Gravatar Questiuncas
em 2014-06-16 14:21:33

Os mecos conduzem-nos o olhar.
Houve alguém que tentou fintar os mecos.

09
Gravatar Dida
em 2014-06-17 01:39:51

Claro que o Remus não chegou até aqui com este calor todo - a pé?
- Não! Não é louco.

Mas é atento. A foto ficou espetacular.

10
Gravatar Ana Lúcia
em 2014-06-19 09:21:38

Excelente perspetica e composição, brindada com esse vermelho atrativo.
Faz-me ter a sensação que vou a grande velocidade...

11
Gravatar Cristina
em 2014-06-19 12:55:58

Gosto tanto desta sequência.

12
Gravatar Vera Cymbron
em 2014-06-20 15:41:51

Tem as linhas de força e tudo dentro das regras mas não me diz grande coisa a fotografia... excepto que parece ser uma das ruas mais tipicas da ilha pela calçada...

13
Gravatar Roadrunner
em 2014-06-22 11:26:51

Dá-me a impressão de que houve alguém que não passou para além da curva da estrada... De qualquer forma gosto das cores.

Saudações!

14
Gravatar Kaipiroska
em 2014-06-24 22:11:47

Assim até parece uma estrada açoriana.

15
Gravatar Remus
em 2014-06-25 21:13:14

Muito obrigado pelos vossos comentários e incentivo.

Willem and Oldshutterhand: Thank you.
Dida: Por acaso até cheguei aqui a pé. Pronto! Pronto! O carro ficou a uns 300 metros mais a baixo. :-)
Vera Cymbron: Tu és muito esquisita. O que tu realmente preferias, era que aqui estivesse retratado um marmanjo em trono nu, a endireitar os mecos deitados. ;-)
Kaipiroska: Esta é uma estrada minhota. A fotografia foi tirada em Viana do Castelo.

16
Gravatar Alex
em 2014-07-01 19:09:56

muito fotogénicos, estes pinocos.. :)

17
Gravatar Maria Antonieta
em 2018-12-10 23:44:28

Que estranho!!... Já vi esta fotografia aqui publicada, com um lindo e emocionante texto/excerto de um livro da Rosa Lobato de Faria.
Não posso estar enganada... quase poderia jurar que sim.
Pode esclarecer-me esta dúvida, Remus?
Obrigada!

18
Gravatar Remus
em 2018-12-12 20:56:04

Maria Antonieta: Não existe nenhum problema com a sua memória... ainda! :-D
De facto são duas fotografias diferentes e com formatos diferentes. A outra fotografia, a que se lembra, teve o título: Mecos da estrada. Ambas as fotografias foram realizadas no mesmo dia.

19
Gravatar Maria Antonieta
em 2018-12-13 22:53:30

Ainda...diz bem! :(
São duas fotografias diferentes, mas do mesmo local.
A diferença é que esta foi tirada no sentido de quem sobe, e os mecos ficaram no lado direito. Com a outra, foi o contrário... lá está o meco caído... :P