Pontos deVistas

Se fotografia fosse religião, a luz seria o deus.

Ode marítima Anterior Seguinte

Ode marítima

       Anterior Seguinte       

#Graphic

... transporem-se os espaços, ver com facilidade todas as coisas,
E gozar a vida realizando um grande número de sonhos.
Limpos, regulares, modernos como um escritório com guichets em redes de arame amarelo!
Meus sentimentos agora, naturais e comedidos como, gentlemen,
São práticos, longe de desvairamentos, enchem de ar marítimo os pulmões,
Como gente perfeitamente consciente de como é higiênico respirar o ar do mar.

Excerto da «Ode Marítima» de Álvaro de Campos, heterónimo de Fernando Pessoa.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 2665
Publicação: 2016-03-04
Grupo: Grafismos
Câmara: COOLPIX L29
Abertura: f 3.9
Distância focal: 6.9 mm
Velocidade do obturador: 1/800 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Uma questão de vista Mesa campestre Pormenores Castelo do Queijo De olhos postos no chão Relação mutualística Vida de cão «Eriobotrya Japonica»

  Escolha da semana

Gootchaï 's Photoblog: La coque!
Gootchaï 's Photoblog: La coque!

  Comentários

Existem 11 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Elisa Fardilha
em 2016-03-04 18:11:46

Belíssima e rara foto.
De tudo, consegues fotos maravilhosas.

O contraste das cores, o pormenor da planta, a escada e a carrinha amarela, tendo como "pano de fundo", o vermelho, (penso que do navio) tornaram esta foto de uma beleza ímpar.

Beijinhos.

02
Gravatar Joao Meneres
em 2016-03-04 18:44:15

As figuras pintadas representam os já enforcados?

03
Gravatar Manu
em 2016-03-04 18:51:41

Gosto desta mistura... de raças, de cores, da mensagem... tudo se completa, formado um conjunto onde o meu olhar se detem observando cada pormenor e mais uma vez o Remus fez jus à imaginação e não deixou escapar nada :)

04
Gravatar Willem
em 2016-03-05 12:58:17

Colorful image with a surprising composition.
Nice contrast to the yellow car against the red background (building)

05
Gravatar Roadrunner
em 2016-03-05 17:47:36

E a mistura de cores também é uma ode, emboramente eu tivesse optado por retirar o arbusto de cena.

Saudações!

06
Gravatar Agostinho
em 2016-03-05 19:56:57

Ia a dizer - caí neste lugar - mas emendo, a forma certa será - subi a este lugar - a partir do Grifo Planante pois verifico que no Pontos de Vistas muito se alcança.
Muito boa a fotografia com uma mensagem actualíssima, "embrulhada" luxuosamente num texto Álvaro de Campos.
Parabéns.

07
Gravatar Alex
em 2016-03-09 00:32:08

tão pertinente. bem... a conjugação FELIZ de cores com aquela carrinha amarela, (vá foi encomendada por ti, confessa lá!!!!) ficou linda!

08
Gravatar Ana Lúcia
em 2016-03-12 15:31:07

Bela frase, na altura como a que vivemos.

09
Gravatar Blikvanger
em 2016-03-16 14:30:51

I do not understand what is written, but I loved the combination of colors and elements.

10
Gravatar Rute
em 2016-03-20 02:28:42

Eu vou-te dizer uma coisa, este post conseguiu baralhar-me a cabeça, as sensações, etc. a fotografia é extraordinária pela sua originalidade e quantidade de 'coisas' que nada têm a ver umas com as outras; as cores prendem, fixam o olhar e depois as palavras do grande mestre também anacrónicas. Só o título "Ode Marítima" e depois aparece um carro amarelo... sim, eu às vezes tenho um lado que se desentende de tudo e vê as coisas de maneira completamente diferente das outras pessoas... podes sempre fazer um estudo de caso, eheheheh
Beijinhos

11
Gravatar Remus
em 2016-04-10 12:49:27

Estou-vos muito grato pelos vossos comentários.

Joao Meneres: Isso deverá perguntar a quem pintou... :-)
Willem and Blikvanger: Thank you.
Roadrunner: Para isso, precisava de uma tesoura da poda. :-)
Alex: Fui eu que coloquei-a lá. :-P (Mentirinha...)
Rute: Podemos sempre pensar que o carro é só para enganar... :-P