Pontos deVistas

Se fotografia fosse religião, a luz seria o deus.

Copas, clero Anterior Seguinte

Copas, clero

       Anterior Seguinte       

#Object

Existem indícios de que os jogos de cartas surgiram na China, juntamente com a invenção do papel. Porém, é geralmente aceite que o baralho, mais ou menos da forma como o conhecemos hoje, foi inventado pelo pintor francês Jacquemin Gringonneur, sob encomenda do rei Carlos VI de França. Gringonneur desenvolveu as novas cartas do jogo de forma que representassem a divisão da sociedade francesa através de seus naipes, sendo copas o clero; espadas a nobreza; paus o povo; ouros a burguesia.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 2684
Publicação: 2016-03-29
Grupo: Objectos
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 5.6
Distância focal: 36 mm
Velocidade do obturador: 1/125 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Ode marítima Vida de cão Mítica cidade de Atlântida Dia do Estudante Fluir de um rio Sermão do Remus ao Suricata Terminal de Cruzeiros Os rios que eu encontro

  Escolha da semana

Gootchaï 's Photoblog: La coque!
Gootchaï 's Photoblog: La coque!

  Comentários

Existem 14 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Ana Lúcia
em 2016-03-29 16:46:14

:) AS coisas que tu nos contas! Muito interessante. Eu só tenho a dizer, como tenho a mania dos fundos desfocados que gostaria que este também o fosse. :P

02
Gravatar Manu
em 2016-03-29 18:52:13

Molhou o baralho e pô-lo no estendal, foi? :P
Resultou porque ficou com uma boa profundidade de campo.
Eu discordo da teoria dos naipes, copas amor, paus trabalho, espadas traição e ouros dinheiro.
Escolheu o naipe que gosto mais ;)

03
Gravatar Willem
em 2016-03-29 20:04:58

A beautiful and attractive depth of field in this lovely picture.

04
Gravatar Carlos Castro
em 2016-03-29 22:05:44

Bons momentos se pode passar com um baralho de cartas nas mãos!

05
Gravatar Elisa Fardilha
em 2016-03-29 22:07:47

Adorei a explicação sobre o baralho de cartas.
deste banho ao clero???

A tua imaginação não tem limites. A foto está fantástica.

Beijinhos.

06
Gravatar Lis
em 2016-03-30 00:00:33

Gosto de embaralhar as cartas...
A foto ótima como sempre e gosto também das explicações acerca do que publicas.
Seu blog é uma mini-enciclopédia.
Lógico que meu foco está nas fotografias e se elas vem acompanhada de uma dedicação sua em escolher um poema ou uma explicação_ a nota vai nas alturas. É o máximo!
Obrigada pelas partilhas. Sempre excelentes!
um abraço

07
Gravatar Martine Libouton
em 2016-03-30 09:08:31

Très bien fait j'aime beaucoup ta photo! 5*

08
Gravatar Questiuncas
em 2016-03-30 09:10:30

Depreendo então, que vamos ter os restantes naipes pendurados por molas.
Sendo este naipe vermelho, qual a razão de não serem todas as molas vermelhas?

09
Gravatar Clarice
em 2016-03-30 14:31:17

Um estendal de cartas... era só mesmo o que faltava fazer por aqui! Sempre a inventar, o senhor Remus! Até apetece______! (preencher o espaço em branco com uma palavra parecida com GAMAR) :)

10
Gravatar Mariam
em 2016-03-30 20:17:54

Que foto fabulosa! Pbs! Gosto imenso de jogar à sueca rsrs :) bjs

11
Gravatar Alex
em 2016-04-04 22:15:59

deliciosa... e mais não digo.

12
Gravatar Roadrunner
em 2016-04-10 12:39:29

Vou mais pela China. Afinal o que é que não foi inventado na China? Se calhar só mesmo os chineses.

Saudações!

13
Gravatar Olivier
em 2016-04-20 12:41:57

Very nice composition...

14
Gravatar Remus
em 2016-05-02 22:37:35

Estou-vos muito grato pelos vossos comentários.

Ana Lúcia: É... O fundo poderia estar mais desfocado. ;-)
Manu: Se calhar o baralho meteu água... :-D
Willem: Thank you.
Elisa Fardilha: Essa é uma forma de ver as coisas. :-P
Martine Libouton et Olivier: Merci.
Questiuncas: Acho que depreende mal. É capaz de aparecer por aqui outras fotografias desta sessão, mas tenho a ideia que são todas deste naipe. :-) As "pregadeiras" não são todas vermelhas, porque foi um pormenor que nem pensei. ;-)
Clarice: A palavra será "AMAR"? :-P