Pontos deVistas

Em arte, tudo está naquele "nada".

Arrozal Anterior Seguinte

Arrozal

       Anterior Seguinte       

#Edible

É no século XVII que encontramos as primeiras referências da cultura do arroz, nos campos do Baixo Mondego, a cargo dos crúzios (ordem religiosa intitulada Ordem da Santa Cruz) de Coimbra.
No entanto, é só a partir do século XIX que a cultura do arroz ganha um maior impulso. Segundo um inquérito de 1872, os arrozais ocupavam uma área de 10.471.406m2, sendo cultivados com licença apenas 1.852.012m2.

Mas terras alagadas (já que o arroz só se dá em terrenos alagados) pode provocar proliferação de insectos, principalmente em climas mais quentes e ligeiramente húmidos. Vai daí, um oficio para o governo do bispo de Coimbra, datado de 17 de Fevereiro de 1881, pede a extinção do cultivo do arroz pelos males que estava a causar à saúde pública e que se manifestavam pelas febres intermitentes que assolavam grande parte das populações.

Com isto, é lançada uma acesa discussão em que se opunham interesses económicos e questões de higiene pública.
São feitos estudos por peritos e não peritos. São dados pareceres até que chegam à conclusão: A planta do arroz era inofensiva; apenas a maneira de a cultivar a tomaria insalubre. Logo, a cultura deveria ser feita segundo preceitos higiénicos e observadas as disposições dos acórdãos municipais, já que a cultura era fonte de grande riqueza nacional.
Aumentou-se o policiamento para controlar se as regras eram cumpridas e os arrozais floresceram na região do Baixo Mondego.

  Informação técnica

Fotografia N.º: 4855
Publicação: 2023-10-09
Grupo: Comestíveis
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 9
Distância focal: 200 mm (35mm equiv.: 300 mm)
Velocidade do obturador: 1/400 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Espiã Explode Haste Mistura de pedra e templo Fundações puramente ilusórias 19.º aniversário do Pontos de Vistas Insensível ou Empenhado? É em nós

  Escolha da semana

Sayami.de - Trocken bis Feucht
Sayami.de - Trocken bis Feucht

  Comentários

Existem 9 pontos de vista. Quem será o próximo?
AAMSWLRRA
01
A
Ana Lúcia
em 2023-10-09 07:33:33

Adoro arroz... Mas acreditas que também me faz mal?!!!! Ao que eu cheguei. :(
Nunca vi o arroz assim, neste estado. Maravilhoso. :)

02
A
Ana Lúcia
em 2023-10-09 07:34:08

O meu jovem artista agradece o destaque da semana. :) Obrigada.

03
M
Manu
em 2023-10-09 11:38:57

Nunca vi um arrozal assim tão bonito!
Sou das que come arroz de todas as maneiras... adoro.

04
S
Steven
em 2023-10-09 14:24:37

Beautiful golden tones and textures spotted here! At first glance, I thought these were the "tassels" on the ends of ears of corn.

05
W
Willem
em 2023-10-09 16:11:00

Beautifully captured, fine details.

06
L
Lis
em 2023-10-11 20:33:05

Muito linda a cor com pequenos verdes a transformar logo logo em espigas. Gostaria de ter um arrozal para fotografar...
beijinhos

07
R
Roadrunner
em 2023-10-15 18:25:50

Aqui não há dúvidas, este é mesmo um produto originário da China! 😁

08
R
Remus
em 2023-12-16 21:01:19

Obrigado pelo vosso apoio. Ele é fundamental para a continuação deste projecto.

Ana Lúcia: Mas será que tudo te faz mal? Daqui a pouco só podes comer chocolates Candycat: :-P :-D
Steven and Willem: Thank you.
Roadrunner: E contudo, só precisei de ir para os lados de Coimbra para fazer a fotografia. ;-)

09
A
Ana Lúcia
em 2023-12-17 10:43:11

Tenho comido tantos... :) Infelizmente tenho muitos problemas alimentares... mas como tudo do que gosto, apesar de saber que estou a infringir!!! :P