Pontos deVistas

Se errar é humano, acertar deve ser coisa de extraterrestre.

Subo ao velhinho castelo Anterior Seguinte

Subo ao velhinho castelo

       Anterior Seguinte       

#Urbanism

Subo ao castelo velhinho
E parece ouvir ainda, no largo,
O clamor das pelejas, justas e torneios.
Os gritos da defesa contra os invasores,
Suevos, visigodos, romanos, mouros...
No alto da Torre, o meu olhar
Foge à desfilada pela imensidão,
Montado no corcel do espanto...
Numa breve mas bela viagem,
Passo por terras de Espanha,
Rumo ao Norte e vou lá longe,
à Estrela, onde a terra e o céu se encontram...

Excerto do poema «Minha terra branca» de Maria Soares

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 1407
Publicação: 2011-08-18
Grupo: Urbanismos
Câmara: KODAK DX6490
Abertura: f 4
Distância focal: 6.3 mm
Velocidade do obturador: 1/500 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Verticalmente Alta e desabrigada Fruta do coração Tufo florido Enseada da Póvoa Receita de autor Regresso às aulas Anti-caspa

  Escolha da semana

Omid: |||||.|||||
Omid: |||||.|||||

  Comentários

Existem 17 pontos de vista. Quem será o próximo?
RRRETWCRSAAYDHMIR
01
R
Ruimnm
em 2011-08-18 19:02:20

que grande conjunto: imagem+poema.

tiras as fotos e pruras os poemas ou há dias que é ao contrário?

02
R
Ruimnm
em 2011-08-18 19:03:01

"procuras" é o que devia lá estar! ;)

03
R
Rute
em 2011-08-18 19:54:59

Concordo com o ruimnm, encaixam muito bem um no outro. Gosto muito dessas ruas estreitinhas que me fazem lembrar uma aldeia onde passava férias quando era criança :)
1 beijo

04
E
Existe Um Olhar
em 2011-08-18 22:07:56

De repente pensei que tinhas invadido o meu castelo..tantas semelhanças! Espero que a subida tenha valido a pena, porque a foto, essa valeu!!!
Abraço
Manu

05
T
Tossan
em 2011-08-18 22:59:17

Como é bom apreciar fotografia com poesia. O poema também é riquíssimo! Abraço

06
W
Willem
em 2011-08-19 08:59:37

No people, wonderful photo Remus

07
C
Cr
em 2011-08-19 12:32:23

A fotografia é linda e a escolha do poema perfeita. Um excelente post!
Um abraço.

08
R
Roadrunner
em 2011-08-19 21:04:18

Só falta saber que velhinho castelo é este. Mas isso seria o que estavas à espera que os comentadores descobrissem... até agora, parece, sem êxito.
O que é engraçado é que o poema fala em "norte", mas o castelo podia muito bem ser no Alentejo, a avaliar pela arquitectura e cores das casas.

Saudações do Roadrunner!

09
S
Sérgio Pontes
em 2011-08-19 21:13:39

Está linda, faz lembrar Estremoz, onde foi tirada?

10
A
Alex
em 2011-08-19 21:26:18

duas linguagens.. uma mesma saída: arte!

poesia + fotografia = parabéns!

11
A
Ams
em 2011-08-20 10:06:12

Uma típica cidade (ou vila) portuguesa - casas caiadas de branco, molduras das portas e janelas a amarelo ou azul, ruas estreitas por causa do calor... e o castelo, lá ao fundo, a espreitar timida mas imponentemente...

12
Y
Yz
em 2011-08-20 19:37:10

what a cool street

13
D
Domlortha
em 2011-08-21 07:14:54

NIce street with a beautiful dof!
Have a nice day.

14
H
Helder Ferreira
em 2011-08-22 10:08:11

Eu aposto em Alentejo pelas casas caiadas... mas tb não sei onde isto fica. Mas é um belo ponto de vista. :)

15
M
Mfc
em 2011-08-23 00:07:03

simplesmente belo!

16
I
Iris
em 2011-08-23 21:16:14

é, coisa de estrela(s), isso da luz :-)

17
R
Remus
em 2011-08-28 11:29:07

Estou muito agradecido pelos vossos comentários.

É uma das ruas de Castelo de Vide e o poema é justamente um excerto de um poema-homenagem a Castelo de Vide.
ruimnm: Primeiro as fotos. Só depois é que os poemas aparecem após uma árdua pesquisa. ;-)
Willem and yz: Thanks!
DomLortha: Merci!