Pontos deVistas

O homem que não comete erros geralmente não faz nada.

Cabaça Anterior Seguinte

Cabaça

       Anterior Seguinte       

#General

A cabaça seca é utilizada em diversos países e das mais diversas formas:
  • - Como vasilha, para uso em refeições;
  • - Como moringa, para transporte de líquidos para se beber durante uma viagem;
  • - Como cisterna, para armazenamento de líquidos;
  • - Como amplificador acústico em instrumentos musicais;
Lembro-me que os meus avós levavam algumas destas cabaças cheias de água, quando iam trabalhar para os campos e havia uma especial, como mais capacidade, que ia cheia de vinho. ;-)

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 1652
Publicação: 2012-07-08
Grupo: Geral
Câmara: KODAK DX6490
Abertura: f 3.2
Distância focal: 11.1 mm
Velocidade do obturador: 1/350 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

«Vigna Unguiculata» Entrego á terra Androceu Falo de ti às pedras Comprimidos naturais O erro nasce na sombra Fonte de fertilidade Hipnótico e psicadélico

  Escolha da semana

To whom it may concern: The Netherlands, Vorden, Baakseweg
To whom it may concern: The Netherlands, Vorden, Baakseweg

  Comentários

Existem 22 pontos de vista. Quem será o próximo?
AARTLTWFMCMSRDRRHJRJRJ
01
A
Adelina Silva
em 2012-07-08 18:25:11

Parece-me que a cabaça tem um papel mais decorativo, pelo menos aqui em Portugal. O objeto assim em contraluz dá-lhe um certo ar de mistério...

02
A
Alex
em 2012-07-08 18:55:12

tenho de ser sincera... aqui nao gosto do contraluz... acho q a cabaça ganhava se "se visse"...

03
R
Rian
em 2012-07-08 19:12:04

someone's keeping his booze away from someone.. :) nice shot!

04
T
Tiago Braga
em 2012-07-08 20:39:32

Olha sabes, a minha mãe é que ia adorar esta Cabaça, ela faz trabalhos artesanais com produtos como estes. Muito Lindo por sinal :P

Caro amigo, hoje decici seguir o teu conselho num email que envias te com dicas para o projecto, Obrigado.

Espero que esteja do teu agrado.

Forte Abraço

05
L
Lis
em 2012-07-09 04:31:23

Quando lecionava no interior, lembro vagamente desses potes que eram usados na cozinha.Sempre achava bonitos, a cor em sépia e a textura bem lisa, muito interessantes.
À ocasião não tive a curiosidade de saber onde apanhavam, agora com sua fotografia fui pesquisar e li que a maioria deles são feitos de cascas secas de abóbora.
Maneiríssimos! Remus
Obrigada da partilha que trouxe algumas boas lembranças.
meu abraço

06
T
Tossan
em 2012-07-09 06:02:23

Na minha cabaça eu guardo uma boa aguardente envelhecida para os amigos. Como só bebo vinho, vou tentar fazer com ele também. Bela foto! Abraço

07
W
Willem
em 2012-07-09 08:19:18

Wonderful picture

08
F
Fernando Santos (chana)
em 2012-07-09 08:39:23

Excelente foto de bela Cabaça....
Cumprimentos

09
M
Manu
em 2012-07-09 19:46:09

Gosto dela pendurada ali, decorando um espaço, ou simplesmente esperando que mãos habilidosas a enfeitem!

10
C
Cr
em 2012-07-10 17:40:57

Um bonito jogo entre a luz e a sombra a resultar no destaque da silhueta da cabaça. Muito bom.
Abraço.

11
M
Mfc
em 2012-07-11 22:22:37

Um contra luz perfeito e como centro da atenção!

12
S
Sérgio Pontes
em 2012-07-11 23:02:05

A minha avó tinha umas quantas =)

13
R
Rute
em 2012-07-12 01:00:55

Gosto desta composição 'meio amalucada' e adorei o jogo de sombras e luz. muito bonita:)
1 beijo

14
D
Dida
em 2012-07-12 02:15:20

Vi lá no campo umas tentativas de sementeira de algo semelhante.

Se "vingarem" quem sabe posso (roubar)...usar para adorno, foto ou vasilha :-)

Muito se aprende por aqui.

15
R
Roadrunner
em 2012-07-15 15:08:57

Boas e saudosas recordações que as cabaças me trazem do quotidiano na província.

Saudações!

16
R
Remus
em 2012-07-17 18:39:37

Muito obrigado pelos vossos comentários.

Rian and Willem: Thank you.
Tossan: Essa é outra hipótese do que se pode guardar lá dentro. :-)

17
H
Helder Ferreira
em 2012-07-31 17:49:20

Já não via uma cabaça há muito tempo. :)

18
J
Janita
em 2017-12-29 13:55:31

Gostei da fotografia, gostei da cabacinha no escurinho, quiçá, para que não se lhe vejam as imperfeições e... vou continuar na minha onda de poetar... Já sei que de cada vez que ouso rimar lá se me vai o poema/quadra, ao ar... mas teimosa que sou cá vou continuar. :P

Desta vez com uma cantiguinha que Mr. Remus também se deve lembrar...

Corre corre cabacinha
corre corre cabação.
Não vi velha nem velhinha
não vi velha nem velhão.

Então? Lembra-se ou não?

:)

19
R
Remus
em 2018-01-02 22:01:27

Janita: Não lembro-me dessa suposta cantiguinha. Será que estou a ficar esclerosado? :-|

20
J
Janita
em 2018-01-03 23:33:30

Jovem como é não deve estar esclerosado, quiçá, desmemoriado, não?... :)
Então aqui vai a história, que eu aprendi em criança....
O Remus depois passe isto a limpo! E diga se conhecia... :))

21
R
Remus
em 2018-01-05 20:55:23

Janita: Agora que "oubi" a história, já me surgiram reminiscências de a ter ouvido em criança... :-)

22
J
Janita
em 2018-01-06 13:34:39

:P