Pontos deVistas

A lente revela mais do que o olho pode ver.

Do original, já só temos isto Anterior Seguinte

Do original, já só temos isto

       Anterior Seguinte       

#Urbanism

Do castelo românico de Mogadouro, o que chegou até aos dias hoje, foi apenas e parcialmente a torre de menagem.
Sabe-se que o castelo já existia em 1145, porque nesse ano ele foi doado, juntamente com a fortaleza de Penas Róias, à Ordem dos Templários. Por sua vez, a Ordem deverá ter sido responsável, durante a segunda metade do séc. XII, por importantes reformas na composição e arquitectura da fortaleza, à semelhança do sucedido noutros castelos que recebeu e reformou.
No final do século XII, em 1196, o rei Sancho I faz uma troca de propriedades com a Ordem dos Templários. Ele dá a vila de Idanha-a-Nova e recebe novamente os castelos de Mogadouro e Penas Róias. Dois anos mais tarde, faz o mesmo com a Herdade da Açafa em Vila Velha de Ródão e recebe as igrejas de Mogadouro e Penas Róias. No entanto, no início do séc. XIII, as vilas de Mogadouro e Penas Róias, com os seus castelos e igrejas, voltam ser cedidas aos templários por Sancho I. Segundo as indicações incluídas nas Inquirições de 1258, infere-se que estas vilas teriam sido entregue aos templários “in encomenda et in prestimonio”, ou seja, a título precário, devendo ser devolvidas ao rei quando este o solicitasse.
Em 1273, o rei Afonso III, no contexto de uma nova reorganização administrativa do território transmontano e de afirmação do poder real, após conflito com a Ordem do Templo, vai retomar a posse do castelo de Mogadouro e reforçar a importância da povoação através da concessão do direito de fazerem mercado semanal e atribuindo foral à vila.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 2298
Publicação: 2014-11-07
Grupo: Urbanismos
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 3.5
Distância focal: 18 mm
Velocidade do obturador: 1/3200 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Com manha Mansidão de consciência A rede que nos liga Danças sem chão Vai-as plantando Tubérculos de nabo Com fim à vista Paga o que deves!!

  Escolha da semana

Arco-Íris Reloaded: Porque todos os dias são tristes...
Arco-Íris Reloaded: Porque todos os dias são tristes...

  Comentários

Existem 15 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Mariiana Capela
em 2014-11-07 06:07:11

que linda...!

02
Gravatar Ana Freire
em 2014-11-07 12:43:59

Grande imagem, Remus!
Esta foto, bem poderia retratar o nosso país...
Praticamente um pequeno monte de escombros, após séculos de história...
Volto a dizer... uma grande imagem, mesmo!!!!
Bom fim de semana.
Bjs
Ana

03
Gravatar Manu
em 2014-11-07 13:37:30

Gosto de castelos, pronto! Velhos, mais bem conservados ou menos, tanto faz. Gosto desta torre que se ergue altaneira com um azul lindo como pano de fundo.

04
Gravatar Jarek
em 2014-11-07 13:42:35

Great photo Remus. I like simplicity

05
Gravatar Ana Lúcia
em 2014-11-07 16:29:05

Imponente!

06
Gravatar João Menéres
em 2014-11-07 19:13:11

Parabéns ao REMUS por ter mostrado um castelo que do nome pouco tem.
Quando por lá andei, não encontrei esta hipótese para o "mascarar".
Acho que só andei pela vertente a sul...

Um abraço pelo óptimo resultado.

07
Gravatar Willem
em 2014-11-07 19:55:04

Nice powerful photo, photographed from a good position.

08
Gravatar Elisa Fardilha
em 2014-11-07 19:55:10

Adoro castelos.
Ohhhhhhhhhhhhh...que crime deixarem-no ao abandono.

Mesmo quando degradados só não os vasculho se não puder.

Amei a foto!O céu estava lindo, com "farrapinhos de algodão" a embelezar o castelo que não perdeu a sua imponência.

Beijinhos.

09
Gravatar Rute
em 2014-11-07 23:36:57

Gosto imenso de Castelos medievais, de todas as maneiras e feitios. Bela Torre de Menagem...do Castelo, nem vestígios. Bela fotografia.
1 beijo

10
Gravatar Lis
em 2014-11-08 10:45:56

Conseguistes tirar dos escombros uma fotografia genial.
Gosto muito.Uma composição especial _ a árvore do ladinho mostra que há vida mesmo entre ruínas antigas.
Obrigada pelo texto histórico.

11
Gravatar Paulo César Silva
em 2014-11-08 18:52:26

uma foto bonita de um castelo que nunca visitei... uma falha minha! pretendo corrigi-la em breve...
depois de tantos anos de abandono, terramotos e a erosão dos tempos essa torre é bem resistente. foi muito bem retratada, com um céu à Remus! :)

12
Gravatar Alex
em 2014-11-11 23:26:17

é uma pena deixarem o património ir todo abaixo...

13
Gravatar Remus
em 2014-11-20 08:28:59

Obrigado pelos vossos comentários. Eles são sempre muito importantes.

Jarek and Willem: Thank you.

14
Gravatar Jéfferson Cezimbra
em 2014-11-24 01:59:22

E por sorte temos o Remus que nos presenteou com o que nos fresta de original do castelo.
Valeu!
Abraço

15
Gravatar Ana Lúcia
em 2014-12-23 18:28:56

Ficou um excelente registo.