Pontos deVistas

Quem ama a vida é amado por ela.

D. Sancho I Anterior Seguinte

D. Sancho I

       Anterior Seguinte       

#Urbanism

No início deste mês de Julho, o Roadrunner publicou neste mundo da Internet, uma fotografia desta estátua.
No meu comentário aparvalhado que deixei na tal fotografia, questionei se o rei D. Sancho I não mudava de roupa. Se ele usaria sempre a mesma indumentária. Fiquei de confirmar... Mas agora noto que pelos vistos é verdade. Ele está vestido sempre da mesma forma e faz sempre a mesma pose.
Não seria muito mais interessante, se as estátuas fossem como nas histórias de Harry Potter, em que se movimentam, falam, fogem e em caso de necessidade, até pegam em espadas e cortam a cabeça a alguém?... Acho que assim fosse, este rei D. Sancho não iria parar quieto. Ia andar sempre a dar uso à espada.
:-)

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 3332
Publicação: 2018-07-31
Grupo: Urbanismos
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 5.6
Distância focal: 18 mm
Velocidade do obturador: 1/200 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Local de culto Tangencial & Centrípeta Calceolária Orientação nascente Ter um pau grande Teia tecida, teia rasgada Invenção da Água No tempo em que eras menino

  Escolha da semana

Omid: : )
Omid: : )

  Comentários

Existem 15 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Ana Lúcia
em 2018-07-31 11:55:42

Imponente! Majestoso. Um ponto de vista que favorece o Povoador.

02
Gravatar Maria Antonieta
em 2018-07-31 15:14:51

Adivinhe qual seria a primeira cabeça a cair por terra? :P

03
Gravatar L Reis
em 2018-07-31 16:39:40

Mas para confirmar se o D. Sancho anda sempre vestido da mesma forma, precisava de ter tirado a fotografia desta perspectiva vertiginosa? Mas o que é que estava a tentar fazer? Por pouco que não apanhava as ceroulas bordadas de sua majestade, ou pior ainda se sua alteza real tivesse decidido sair mais arejado.... ora esta!
Bom...
Concordo com a parte do Harry Potter... acho que nesse caso até compraria uma estátua para mim. Tenho que ir ver se as há com chicote, eu sou mais pela flagelação do que pelas cabeças cortadas. :):)

04
Gravatar Manu
em 2018-07-31 19:25:09

Tirada assim vista de baixo, dá logo uma importância majestosa à foto.
Felizmente não há vento que faça voar as vestes :) Acredito que na época, não usavam ceroulas :P

05
Gravatar Willem
em 2018-07-31 19:54:56

Photographed from an impressive point of view.

06
Gravatar Alex
em 2018-08-01 01:29:43

era muito divertido, estátuas a mexerem-se... adorável! a perspetiva desta destaca a grandeza do edificio, mas a não menor grandeza do monarca...

07
Gravatar Steven
em 2018-08-01 04:10:25

A great PoV captured here to make him look so powerful.

08
Gravatar Elisa Fardilha
em 2018-08-02 10:49:11

A foto está imponente!

Agradou-me imenso!

Beijinhos.

09
Gravatar Oldshutterhand
em 2018-08-03 06:46:24

Using the sword incessantly can also be tiring.

10
Gravatar Roadrunner
em 2018-08-05 12:43:32

Roupas à parte, ficou muito bem retratado, até parece que se prepara para se elevar aos céus.😇

11
Gravatar Omid
em 2018-08-14 22:58:47

such beautiful angle, composition & lights!
Amazing!

12
Gravatar Remus
em 2018-08-27 20:59:35

O D. Sancho e eu agradecemos as vossas visitas e comentários.

Maria Antonieta: Espero que não fosse a minha... :-S
L Reis: Será que ele usava ceroulas bordadas? Se sim, quem é que as bordava? Era a rainha? ;-)
Manu: Alguma coisa haveriam de usar. Não iam andar com as "coisas" à solta. Ou será que andavam? :-D
Willem, Steven, Oldshutterhand and Omid: Thank you.

13
Gravatar Maria Antonieta
em 2018-08-28 15:11:13

Credo! Claro que não, Remusinho... referia-me mas era à minha... então não sou eu a Maria Antonieta? :)

14
Gravatar Remus
em 2018-08-28 21:47:14

Maria Antonieta: Mas a Maria Antonieta já perdeu a cabeça, pelo que não poderia perder mais vezes. ;-)

15
Gravatar Maria Antonieta
em 2018-08-29 18:10:06

...aqui, neste mundo de faz-de-conta, tudo é possível...

:)