Pontos deVistas

A arte é um resumo da natureza feito pela imaginação.

Amedrontam-me as tempestades Anterior Seguinte

Amedrontam-me as tempestades

       Anterior Seguinte       

#Water

Anda, vem comigo, transcende-me no caminho,
a água dos regatos já se estagnou,
o sangue gélido penetrou-me os lábios negros.
Amedrontam-me as tempestades,
e o prenúncio delas.

Chuvas doentes caem sobre mim,
sacudo as lágrimas dos alguidares já sagrados,
busco águas límpidas nas fontes,
rio-me dos relâmpagos na sorte maldita do mar.
As areias beijam-me os pés,
lavam-mos com o perfume de rosas e de sal.

Louco, insano, imperador do vento mascarado,
infame néctar que me vendes-te.
Nas águas profundas oceânicas, nereidas gritam.
Nas águas pisadas, secas, queimadas.
Nas águas, no vento.
No ar que uiva, alto, que chama, na noite, por mim.

Poema «Prenúncio de um uivo» de Joma Sipe.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 3202
Publicação: 2018-02-09
Grupo: Água
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 5.6
Distância focal: 200 mm
Velocidade do obturador: 1/2000 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

O presépio também já está Do coração às mamas Maga & Min Mecos da estrada Pensando apenas na Primavera A arquitectura é a história do mundo Prenúncio do fim da seca? Barrita

  Escolha da semana

In' Pression a LUZ: {em sendas de mistério}
In' Pression a LUZ: {em sendas de mistério}

  Comentários

Existem 14 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Martine Libouton
em 2018-02-10 11:09:42

Une très belle prise! J'aime!

02
Gravatar Omar
em 2018-02-10 14:54:04

I feel the spray of the waves in my face, nice mood

03
Gravatar Mariam
em 2018-02-10 17:34:27

Linda! Mas, eu ao invés, gosto de ver as trovoadas e os mares bravos :) beijinhos

04
Gravatar Willem
em 2018-02-10 18:29:22

Beautiful and atmospheric picture.
Beautiful state of the horizon and attractive vertical framing.

05
Gravatar Lis
em 2018-02-11 19:21:13

O mar bravio fica mais bonito do que calmo _ diferentes sensações.
Indiferentemente, me assusta.Muita água me assusta rs soubestes trazer uma como nos filmes de terror.

06
Gravatar Manu
em 2018-02-11 21:48:52

E como prometido aqui temos um mar tenebroso e lindo.
Gosto muito de ficar a contemplá-lo quando está assim, não há monotonia e cada vaga é diferente da outra.
O farol altaneiro deu um ar trágico à fotografia.
Gostei!

07
Gravatar Ana Lúcia
em 2018-02-12 13:01:48

O pb suave, sem grandes contrastes ficou bem... parece a neblina nos envolve.

08
Gravatar L Reis
em 2018-02-12 21:28:51

Esta falta de contraste e todo aquele espaço negativo fazem o conjunto perfeito para a "descoberta" do farol rodeado por mar revolto. Uma composição envolvente e equilibrada, fizeram o resto. E o farol ali, a enfrentar tanto tamanho e imensidão... de céu e de mar.

09
Gravatar Carlos Nicolau
em 2018-02-13 18:45:56

Excelente a tonalidade do p&b, uma bela fotografia de um lindo dia de tempestade, parabens, abraço!!!

10
Gravatar Elisa Fardilha
em 2018-02-14 13:03:31

Um local que apesar de muito fotografado, não cansa!
A sua beleza atrai, principalmente em dias de tempestade.

A tua fotografia ficou maravilhosa!

Beijinhos.

11
Gravatar Roadrunner
em 2018-02-17 21:50:39

A mim tranquilizam-me. É pena é ultimamente haverem tão poucas - parece que estão em vias de extinção, pelo menos cá pela moirama.

Saudações!

12
Gravatar Dida
em 2018-02-21 00:58:04

Olha Remus, com esta voz não ficava com medo das tempestades. Ficava melancólica.
A mim amedronta-me o que não vejo.
A tempestade que bate no farol atrai. Inspira e faz respirar de emoção.
Veja-se a foto. Lá fora o mar grita.
Aqui a foto assenta muito bem.

13
Gravatar Alex
em 2018-02-21 23:34:05

mas aqueles dois caramelos que ali aparecem, não têm medo de nada.. mas depois elas acontecem... enfim... às vezes parece que de nada vale avisar... a fotografia está de acordo como o tempo... a mostrar a bravura do mar...

14
Gravatar Remus
em 2018-03-05 19:47:53

Estou-vos muito agradecido pelas palavras e presença assídua.

Martine Libouton: Merci.
Omar and Willem: Thank you.