Pontos deVistas

Bem feito é melhor que bem dito.

Cinema Anterior Seguinte

Cinema

       Anterior Seguinte       

#Graphic

Foi na França, no final do século XIX, em 1895, que os irmãos Louis e Auguste Lumière inventaram o cinema. O primeiro filme a ser projectado em público, com uns estrondosos 45 segundos de duração, foi o «La Sortie de l'Usine Lumière à Lyon», produzido e distribuído pelos irmãos Lumière.


O americano Edwin S. Porter, apropriou-se do estilo documentalista dos irmãos Lumière, adicionou truques ópticos e efeitos especiais teatrais, para produzir em 1903 o filme «The Great Train Robbery» (O grande assalto ao comboio), um filme de acção, obtendo um grande êxito e contribuindo para que o cinema se popularizasse e entrasse para a indústria cultural.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 2005
Publicação: 2013-10-17
Grupo: Grafismos
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 5
Distância focal: 18 mm
Velocidade do obturador: 1/80 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Tens um nariz de porco! 2000 Dâbliucê Filho do Condor Sé escalabitana Azul, verde e vermelho Esperar que a poeira assente Ardis

  Escolha da semana

To whom it may concern: Grote groene sabelsprinkhaan
To whom it may concern: Grote groene sabelsprinkhaan

  Comentários

Existem 27 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Questiuncas
em 2013-10-17 09:10:27

Se fosse ao cinema e me pusessem uma jarra(?) à minha frente....
Não percebi muito bem a composição da fotografia, desde já agradeço umas breves explicações.

02
Gravatar Photo Attraction
em 2013-10-17 09:40:18

O fundo é quase hipnótico.
Tem um pouco de moldura preta a mais, mas teria de experimentar uns cortes para ver se o efeito se mantinha. Por isso, ficas com o benefício da dúvida ;)

03
Gravatar Sérgio Pontes
em 2013-10-17 12:15:01

Concordo, o forte contraste do fundo é quase hipnótico! Abraço

04
Gravatar Willem
em 2013-10-17 12:19:27

Lovely and atrractieve contrasting photo.

05
Gravatar João Menéres
em 2013-10-17 12:54:26

Em que sala está o filme?

06
Gravatar Jvm
em 2013-10-17 13:57:01

Muito boa!

07
Gravatar Zekarlos
em 2013-10-17 16:39:51

Em 5 palavras: ES PÉ TA CU LO.
Abraço

08
Gravatar Jéfferson Cezimbra
em 2013-10-17 17:43:34

Para eu não xingar quem atrapalha minha visão da tela, só se eu visse à minha frente uma silhueta feminina rsrsrsrsr
Abraço

09
Gravatar Elisa Fardilha
em 2013-10-17 20:29:38

Um grafismo que me "feriu" o olhar!!!

Uma foto original!

Beijinhos.

10
Gravatar Kaipiroska
em 2013-10-17 22:17:35

Antes uma jarra que um par de jarras à nossa frente no cinema. Gosto do painel vermelho a servir de fundo.

11
Gravatar Dida
em 2013-10-17 23:52:30

dá vontade de virar a carta para ver qual é o naipe.
ai não é uma carta?
aqui em casa havia um baralho com esse desenho por trás :-)
Essa cabecinha...

12
Gravatar Lis
em 2013-10-18 01:45:26

A sétima Arte tinha de iniciar na França _ país poético de Baudelaire...
_e a jarrinha com essa imensa plateia no escuro, pode ser um símbolo ou coisa assim. rs
Eu gostei e deu saudade do escurinho do cinema o barulhinho das balas se abrindo e o cheirinho de pipoca no ar...
abraços Remus

13
Gravatar Manu
em 2013-10-18 10:39:59

Adorei este tom como pano de fundo, muito apropriada para a informação que nos deixou sobre o nascimento da sétima arte, sendo a foto a oitava :)

14
Gravatar Ana Lúcia
em 2013-10-18 16:25:23

:) Sempre muito criativo!

15
Gravatar Margot Félix
em 2013-10-20 01:07:54

Ficou tão boa e intrigante que nem tenho o que dizer...

16
Gravatar Rute
em 2013-10-20 20:06:07

Ardem-me os olhos...mas gostei do resultado final:)
1 beijo

17
Gravatar Julie Brown
em 2013-10-21 11:57:12

A simple composition, yet compelling.

18
Gravatar Helena Prata
em 2013-10-21 23:05:38

Esta foto precisa de uma legenda :-P mas seja lá o que for que faz aquele efeito por trás da jarra, ficou muito bem. Muita criatividade.

19
Gravatar Rue Du Lavoir
em 2013-10-25 12:46:00

Great composition. Very creative too.

20
Gravatar Roadrunner
em 2013-10-26 22:31:49

Isto é serviço público! Muito bem!

Saudações!

21
Gravatar Remus
em 2013-10-31 09:50:25

Muito obrigado pelos vossos, sempre importantes, comentários.

Questiuncas: Nunca ouviste dizer: "Mas que lindo par de jarras"? :-) Esta fotografia nasceu em consequência de outras, que tirei com fundos claramente marcantes e vibrantes. Tirei fotografias a vários objectos, sendo que a jarra foi um deles. Esta fotografia acabou por ser escolhida para publicação, porque dá-me a sensação de ecrã de cinema. Daí a associação entre a foto e o texto.
Willem and Julie Brown: Thank you.
João Menéres: O filme já saiu de exibição. ;-)
Jéfferson Cezimbra: Nua ou vestida? :-P
Dida: Agora que fala nisso... :-)
Rue Du Lavoir: Thank you.

22
Gravatar Luislapa
em 2013-11-04 19:14:01

De belo efeito!!

23
Gravatar Rian
em 2013-11-13 01:30:45

great minimalism here, nice work.

24
Gravatar Alex
em 2013-11-16 00:05:30

nao sei como foi feito... mas o efeito resultou brilhante

25
Gravatar Maria Antonieta
em 2018-08-02 13:42:14

O cinema não é fácil.
Porque a vida é complexa
e a arte indefinível,
Indefinível será a vida
e a arte complicada.
A arte é como uma "indústria",
A vida, a "matéria-prima"
E a "máquina" o homem
Cuja natureza
Tanto produz uma como outra.

A vida é banal,
Efêmera e fugaz,
Onde tudo mais ou menos se repete,
Para logo se escapar
A cada milionésimo de segundo.

Poema Cinematográfico, de Manoel de Oliveira.

Gostou? Eu, também! :)

26
Gravatar Remus
em 2018-08-02 21:50:35

Maria Antonieta: Bem... Então posso dizer que ele seria melhor escritor do que realizador. Mas é apenas a minha opinião, de alguém que não liga nada a cinema...

27
Gravatar Maria Antonieta
em 2018-08-02 22:28:13

Eu adoro cinema, mas não sou fã dos filmes de Manoel de Oliveira, e concordo consigo, sim...