Pontos deVistas

A bondade é o único investimento que nunca vai à falência.

Te envolve em lúcido véu Anterior Seguinte

Te envolve em lúcido véu

       Anterior Seguinte       

#filmphoto  #Black&White

À luz das noites serenas
A capela de açucenas
Te envolve em lúcido véu!
Ao meigo clarão da lua
És a imagem que flutua
No puro ambiente do céu!

E os ternos suspiros soltos,
E os teus cabelos revoltos
Ao sabor da viração,
Perpassam brandos na mente
Como as brisas do poente
Na cratera do vulcão!

Ó santa imagem querida,
Como és bela adormecida!
Que mistério em teu palor!
Que doçura no teu canto,
E que perfume tão santo
Nas tuas cismas d'amor!

Deixa cair uma rosa
Da tua fronte mimosa,
Da vida no turvo mar!
Descerra-me o paraíso
Que no teu fugaz sorriso
Nos faz viver e sonhar!

Poema «À Musa» de Guilherme de Azevedo, in «Antologia Poética».

Fotografia tirada pela máquina analógica Praktica MTL 5 e com um rolo LFORD HP5 Plus (preto e branco) - ISO 400.
Distância focal: 58mm

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 4053
Publicação: 2021-01-10
Grupo: Preto e Branco
Câmara: Praktica MTL 5
Abertura:
Distância focal:
Velocidade do obturador:
Flash:

  Mais fotografias

Tom rosado I ❤ Porto Ecos Ciclismo Liberal Num ano... Actualização... Bem-vindos a 2021

  Escolha da semana

EK Images: Three little maids from school
EK Images: Three little maids from school

  Comentários

Existem 6 pontos de vista. Quem será o próximo?
AWSMML
01
A
Ana Lúcia
em 2021-01-10 12:53:53

Primeiro vi um presépio, , depois uma mulher coberta com longos panos, talvez um pinheiro... não sei o que será, mas destacam-se as formas a pb criando um bom grafismo.

02
W
Willem
em 2021-01-10 17:38:45

At first I also thought this was a late Christmas photo, but after reading the poem I now understand the photo.

03
S
Steven
em 2021-01-10 20:51:17

An almost psychedelic image as I see a face enveloped in swaddling clothes. A great image that complements the poem perfectly.

04
M
Manu
em 2021-01-11 11:32:50

Ao ver esta foto lembrei-me do trabalho de Hazul na R. da Vitória no Porto.
Será que Remus?

05
M
Manu
em 2021-01-11 16:24:09

Esqueci-me de dizer que gostei do resultado P&B

06
L
Lis
em 2021-01-12 00:56:08

Lembra um luar, mas lembra também o Natal.
Uma imagem curiosa _não é uma santa, nem uma árvore, talvez um presépio alternativo, de um sábio escultor.
De acordo cm o poema, é uma 'musa'_ sim quem sabe algo da miologia grega?
Andas misterioso, Remus