Pontos deVistas

A boa educação é moeda de ouro. Em toda a parte tem valor.

Entendo bem o sotaque das águas Anterior Seguinte

Entendo bem o sotaque das águas

       Anterior Seguinte       

#Water

Uso a palavra para compor meus silêncios.
Não gosto das palavras
fatigadas de informar.
Dou mais respeito
às que vivem de barriga no chão
tipo água pedra sapo.
Entendo bem o sotaque das águas
Dou respeito às coisas desimportantes
e aos seres desimportantes.
Prezo insetos mais que aviões.
Prezo a velocidade
das tartarugas mais que a dos mísseis.
Tenho em mim um atraso de nascença.
Eu fui aparelhado
para gostar de passarinhos.
Tenho abundância de ser feliz por isso.
Meu quintal é maior do que o mundo.
Sou um apanhador de desperdícios:
Amo os restos
como as boas moscas.
Queria que a minha voz tivesse um formato
de canto.
Porque eu não sou da informática:
eu sou da invencionática.
Só uso a palavra para compor meus silêncios.

Poema «O apanhador de desperdícios» de Manoel de Barros.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 3114
Publicação: 2017-10-17
Grupo: Água
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 8
Distância focal: 70 mm
Velocidade do obturador: 1/250 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Codeçal Pêra-balão The cocks Dá erecção? Vilarinho das Furnas Um telhado velho Eu espero pelo Inverno Ciclo das rochas

  Escolha da semana

To whom it may concern: The Netherlands, Egmond aan den Hoef
To whom it may concern: The Netherlands, Egmond aan den Hoef

  Comentários

Existem 16 pontos de vista. Quem será o próximo?
OJCJOSLWDAMEARPR
01
O
Omar
em 2017-10-17 06:21:53

The power of water is amazimg. Nice colors and lights here

02
J
João Menéres
em 2017-10-17 08:53:48

Quando a água fala através das pedras.
Uma imagem belíssima em toda a sua amplitude.

03
C
Chica
em 2017-10-17 10:11:49

Que lindo isso! Eu adoro ouvir as palavras das águas que falam... Aliás, estarei mais ausente pois está na hora de ir perto do mar ouvir o que ele tem a nos dizer! INTÉ! abraços, chica

04
J
Janita
em 2017-10-17 14:39:05

Mais do que lhes entender o sotaque, creio que o Remus fala a mesma linguagem que elas. Sente o seu lamento através do rumor das águas.
Sei, e não me pergunte porquê...

05
O
Omid
em 2017-10-17 18:23:36

such beautiful composition, colors, lights & title!
Lovely!

06
S
Steven
em 2017-10-17 19:04:46

Thought-provoking words shared here!! A great composition of water and stone as well.

07
L
L Reis
em 2017-10-17 19:20:35

Eu também.
Cá para mim elas têm um xutaque achim mais para oz ladoz do Norte porque xempre que a oicho ela faze xons xibilantes. Cheja no shhhhh da corrente do rio, cheja no catchapum do rebentar de uma onda, cheja no vchchchchchch da torneira do vanho. E tamvém quero dijer que estou para aqui quaze à meia-hora a escrever porque o corretor automático é parvo e tem a mania que xabe tudo.
Já agora acrescento que estas pedrinhas, por entre as quais a água tropecha, estão com uma cor fachinante. Gosto, xei lá...

08
W
Willem
em 2017-10-17 19:28:07

Composition, light, and the brightness are super

09
D
Dida
em 2017-10-17 19:44:28

Adoro.
Parece um namoro perfeito.
Um fala, o outro escuta e os dois trauteiam uma melodia.
Lindo Remus a foto e a poesia que escolheste para a acompanhar.

10
A
Alex
em 2017-10-17 23:05:09

ui... eu nem te digo como oiço a água... e que bem que a ouvi ontem... e que bem que me soube ouvi-la... a tua fotografia, hoje para mim, é calmante

11
M
Martine Libouton
em 2017-10-18 08:38:48

Très belle prise! j'aime

12
E
Elisa Fardilha
em 2017-10-19 14:28:30

Uauuuuuuuuuuuuuuuuuuuu... que sonho de foto. água correndo entra pedras, possivelmente num riacho do interior.
Senti a suave canção da água deslizando pela pedras.
O poema está em total sintonia com a foto.

Beijinhos.

13
A
Ana Lúcia
em 2017-10-22 09:49:39

Fresca e uma boa imagem de verão... não sabia que tinham sotaque, se calhar és tu que tens :P

14
R
Roadrunner
em 2017-10-22 12:36:25

Gostei da foto, com as várias tonalidades de castanho.

Saudações!

15
P
Paulo Vasco Pereira
em 2017-11-14 00:09:27

Gosto muito.

16
R
Remus
em 2017-11-14 21:14:04

Obrigado pela vossa presença e palavras.

Omar, Omid, Steven and Willem: Thank you.
L Reis: Por acaso estas águas eram mesmo do norte. Eram minhotas. :-P
Martine Libouton: Merci.
Ana Lúcia : Se calhar até será mais isso. :-D