Pontos deVistas

Não roube! O Governo não gosta de concorrência.

Eflúvios das flores Anterior Seguinte

Eflúvios das flores

       Anterior Seguinte       

#General  #festasdopovo

Eflúvios das flores que desabrocham
Somente em noites de prateado luar
Em danças libidinosas rodopiam no ar
Colorindo todo ambiente onde exalam.

Eram essências das camélias e roseiras
Amalgamadas em deliciosas fragrâncias
Das hortelãs e das flores das laranjeiras
Em mescla divina com outras substâncias.

Penetram e aprofundam em si mesmos
Num revoar de névoas novas e líquidos
Enriquecidos pelos goivos e pelos lírios
Que balouçavam as folhas, a esmo.

Num espetáculo colorido de absintos
Numa tarde crepuscular que já morre.
O tempo, meu amigo, não passa: Corre.
Depois apenas eflúvios, distantes, distintos...

Poema «Eflúvios Das Flores» de Gyl Ferrys.

@ Festas do Povo de Campo Maior de 2011.

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 3324
Publicação: 2018-07-20
Grupo: Geral
Câmara: NIKON D90
Abertura: f 6.3
Distância focal: 105 mm
Velocidade do obturador: 1/500 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Flores e letras Palitar Costurabilidade Chama azul Novo inquilino O Inverno veio passar férias D. Sancho I Não julguem!

  Escolha da semana

Gootchaï 's Photoblog: H comme Heineken
Gootchaï 's Photoblog: H comme Heineken

  Comentários

Existem 13 pontos de vista. Quem será o próximo?
Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar Gravatar
01
Gravatar Willem
em 2018-07-20 18:24:32

Very fine focus work Remus, a beautiful photo as a result.

02
Gravatar Steven
em 2018-07-20 18:53:45

Gorgeous color and light accompanied by an excellent DoF!!

03
Gravatar Manu
em 2018-07-20 22:52:26

As festas de Campo Maior continuam a dar um brilho especial a este blog.
Gostei das cores vivas e brilhantes e do desfoque.
Muito bem, gostei muito deste ponto de vista :)

04
Gravatar Martine Libouton
em 2018-07-21 10:38:46

Une magnifique photos j'adore

05
Gravatar Maria Antonieta
em 2018-07-21 21:17:15

Que delicadeza de cores e doçura de flores...

O poema casou lindamente com a imagem.
Perfeito!

06
Gravatar Elisa Fardilha
em 2018-07-22 08:34:51

Mais uma vez nos brindas com a beleza das flore de Campo Maior.
Estas, são de uma beleza delicada.

Beijinhos.

07
Gravatar L Reis
em 2018-07-22 16:50:30

Publicidade enganosa, é o que é!
Bem que eu me podia pôr aqui a "snifar" com o meu faro de perdigueiro, que nem um eflúvio me chegava ao delicado nariz... O que lhes falta em aroma é, no entanto, compensado em delicadeza e, sobretudo, no assombroso trabalho desta gente que, com paciência de chinês", se dedica a este projeto. Tudo por uma boa causa, já que o resultado é sempre uma festa, tal como muito bem mostrado na imagem junta.

08
Gravatar Alex
em 2018-07-22 21:50:42

sempre lindas estas flores de papel... adoro

09
Gravatar Omid
em 2018-07-22 22:14:58

such beautiful focus, DOF, colors & lights!
L O V E L Y!

10
Gravatar Dida
em 2018-07-23 00:20:13

Quem?????
Tudo para dizer que há perfume no ar.
Não havia necessidade.
Flores de papel têm aroma? Duvido.
2011?

Tiveste sorte de só teres perdido o foco nas flores que não fazem falta na foto.

Brincadeiras à parte. Está apelativa.
Parabéns.

11
Gravatar Ana Lúcia
em 2018-07-25 12:25:59

Tão delicadas e bonitas.... fazem lembrar festas de fadas.

12
Gravatar Roadrunner
em 2018-08-05 13:08:03

Então mas isto agora tornou-se num sítio erótico-pornográfico?! Ele é vulvas, penetrações, desabrochamentos...😣

13
Gravatar Remus
em 2018-08-13 21:17:44

Estou muito grato pelas vossas visitas e comentários.

Willem, Steven and Omid: Thanks.
Martine Libouton: Merci.
L Reis: Se "snifou" e não cheirou, isso quer dizer que não tem um monitor perfumado. :-P
Dida: Nunca ouviu falar em papel perfumado? Existe até em papel higiénico... :-P
Roadrunner: Vulvas? Mas onde é que viu uma vulva? Que eu saiba, nesta a fotografia não existe nenhuma. :-D