Pontos deVistas

Tu nasceste como um original. Não morras como uma cópia.

Se me falta o chão em que piso Anterior Seguinte

Se me falta o chão em que piso

       Anterior Seguinte       

#Graphic

Se me falta o chão em que piso, procuro no próximo passo a convicção de firmeza e se o agora é inconsistente volto-me para o futuro que desconheço. Carrego comigo o peso de outras vidas. Junto forças que não tenho para fazer do meu rastejar minha andança nesta árida estrada.
Trago no peito a fé dos que acreditam no implausível e aguardo a redenção adormecida. Foi preciso perder-te e que me perdesses para aprender o significado da palavra deserto, para encontrar o itinerário que precisa ser refeito, para entender que tudo passa, tudo volta, tudo sempre está, para que conhecesse quem realmente somos, quem não éramos, para descobrir que existiam outras mãos e em cada uma delas outras linhas do destino. Em cada lábio que encontro recolho uma hóstia.

Poema «Se me falta o chão em que piso» de Jardim in "Crônicas do Amor Impossível".

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 4012
Publicação: 2020-11-17
Grupo: Grafismos
Câmara: KODAK DX6490
Abertura: f 3.2
Distância focal: 11.1 mm
Velocidade do obturador: 1/350 sec
Flash: Não Disparado

  Mais fotografias

Sardanisca Cerídeos Arma branca Lagoa natural Correndo pelo meio das escadas Vale uma casa 4000 Os olhos

  Escolha da semana

A Left-Eyed View: Intersecting Buildings?
A Left-Eyed View: Intersecting Buildings?

  Comentários

Existem 8 pontos de vista. Quem será o próximo?
JAMSWOLR
01
J
Janita
em 2020-11-17 15:11:39

Com isto do distanciamento obrigatório, adeus hóstias, adeus saudações. Fica-nos o chão que pisamos, esperando não seja um soalho velho e carcomido pelo bicho da madeira... :)

02
A
Ana Lúcia
em 2020-11-17 15:59:13

Já o perdi...
Juntei forças e ergui-me, mas não a mesma. Melhor? Pior? Simplesmente, diferente. Às vezes, não, muitas vezes não me reconheço, nem sei quem sou... Onde estava esta pessoa que fala, que ri, que responde, que é incisiva?
Preferia que o chão nunca tivesse desaparecido...
Gostei da tua fotografia que valoriza os contrastes e as formas.

03
M
Manu
em 2020-11-17 17:12:49

Já nao sei o chão que piso, a todo o momento penso que vou cair, ou dar um passo em falso e é neste mundo de incertezas que vivo.
Duma coisa apenas estou certa, gosto desta foto com luz e sombra muito bem conseguidas.

04
S
Steven
em 2020-11-17 19:11:06

Beautiful wood grain patterns in bright light!

05
W
Willem
em 2020-11-17 20:10:38

Beautiful wood grain patterns in lovely light and also very nice black and white treatment.

06
O
Omid
em 2020-11-18 20:16:26

such beautiful frame, lights & textures!
Lovely!

07
L
Lis
em 2020-11-19 17:58:10

Não há de faltar, Remus
E se faltar ,haveremos de cumprir nosso destino rs desparecendo de vez... rs
A foto, inclusive nem de longe mostra que faltou chão é apenas a 'ilusão de ótica'.
meu abraço

08
R
Roadrunner
em 2020-11-29 18:18:22

Deve ser a entrada da toca dos lémures.