Pontos deVistas

Todos gostam da sombra, mas poucos plantam árvores.

Que chegava, ondulando Anterior Seguinte

Que chegava, ondulando

       Anterior Seguinte       

#filmphoto  #Water

Sonhei que era como a água
Que chegava, ondulando
E o areal vinha beijar
Depois, deslizando
Voltava a ser água do mar

Beijava os grãos de areia
Como se não mais voltasse
Depois, parecendo dançar
Descia para o mar
Como se esse me chamasse

E no sonho o meu ego viajava
Enfrentando as noites e os dias
Numa nostalgia abençoada
Acordei na nossa cama suada
E vi como a meu lado, dormias

Poema «Sonhei que era como a água», de R y k @ r d o.

Fotografia tirada pela máquina analógica Praktica MTL 5 e com um rolo AGFA Optima II Prestige - 100, expirado em Dezembro de 2003 (15 anos e 2 meses antes da fotografia ter sido tirada).
Distância focal: 28mm

  Partilhe

  Informação técnica

Fotografia N.º: 4094
Publicação: 2021-03-05
Grupo: Água
Câmara: Praktica MTL 5
Abertura:
Distância focal:
Velocidade do obturador:
Flash:

  Mais fotografias

Não me olhes assim Outros tempos, outra pandemia Locomotiva Sonhar a Primavera Amarelo nas flores Verdade da água Trinta Era assim...

  Escolha da semana

Sayami.de: Wo Gold nicht stinkt
Sayami.de: Wo Gold nicht stinkt

  Comentários

Existem 10 pontos de vista. Quem será o próximo?
JRCJAOMMRR
01
J
Janita
em 2021-03-05 10:14:07

...como vagas inconstantes, ondulando partiam.
Gostei do azul do Céu a dois tons.

Bom dia!

02
R
Ryk rdo
em 2021-03-05 11:56:08

Ups.. Comecei a ler e.... algo me era familiar, lol
Muito grato por um poema meu merecer estar aqui no seu tão bonito cantinho. Agradeço de coração.
Cumprimentos poéticos.

03
C
Cidália Ferreira
em 2021-03-05 12:02:52

Um poema brilhante puro como a água do mar. Grande Poeta que tão bem conheço! Parabéns!

Bom fim de semana

04
J
Janita
em 2021-03-05 13:18:00

Só agora reparei que o autor do poema é um nosso vizinho de blogobairro. :)
Parabéns também para ele. Pelo talento poético e por ter escrito um poema digno de figurar ao lado de tão bela fotografia.

Também eu, por vezes, sonho que sou uma ondulante vaga deste imenso mar de sonhos virtuais. :D

05
A
Ana Lúcia
em 2021-03-05 18:48:58

Adorei o teu sonho e obrigada pela fotografia do mar que já não vejo há tanto tempo. Cheira a sal. :)

06
O
Omid
em 2021-03-05 19:45:36

Amazing view.

07
M
Manu
em 2021-03-05 20:10:42

Gosto deste mar, misturado com este céu azul magnifico.
O poema também é lindo, uma boa escolha poética.

08
M
Michael Rawluk
em 2021-03-06 02:18:43

I have lots of old film that I wish I could use. Unfortunately, I became allergic to by darkroom.

09
R
Roadrunner
em 2021-03-17 17:27:37

Muito bem. Para ser perfeito, era só o rolinho ser Fujifilm... 😁

10
R
Remus
em 2021-04-12 18:24:16

Muito obrigado por terem vindo ver este bocadinho de praia. :-D

Omid and Michael Rawluk: I am grateful to you.